Portos de Portugal
Viagem ao Centro do Mundo

Porto de Viana do Castelo,
Alberga o maior estaleiro do País

Porto de Leixões
Referência na Região Norte do País

Porto de Aveiro
Uma solução Intermodal competitiva

Porto da Figueira da Foz
Promotor da Economia da Região Centro

Porto de Lisboa
Atlantic Meeting Point

Porto de Setúbal
Solução Ibérica na Região de Lisboa

Porto de Sines
Porta do Atlântico

Portos da Madeira
O Paraíso dos Cruzeiros

Portos dos Açores
A sua plataforma no Atlântico

Quem Somos

A APP – Associação dos Portos de Portugal é uma Associação sem fins lucrativos constituída em 1991, com o objectivo de ser o fórum de debate e troca de informações de matérias de interesse comum para os portos e para o transporte marítimo.

Pretende-se que a APP contribua para o desenvolvimento e modernização do Sistema Portuário Nacional, assumindo uma função que esteve subjacente à sua criação: constituir-se como um espaço privilegiado de reflexão e de decisão.



Newsletter

Clique aqui para se registar na newsletter.

Clique aqui para sair da newsletter.

Janela Única Logística




APDL recebe Diputácion de Salamanca na Via Navegável do Douro

Decorreu a 22 de fevereiro, nas instalações da APDL na Via Navegável do Douro, uma reunião com o Deputado do Turismo Juan Carlos Martínez e a Deputada da Província María del Pilar García, no seguimento da tomada de posse do novo executivo da Diputácion de Salamanca, entidade que administra o cais de Vega Térron.

Esta reunião visou o estreitar das relações de cooperação e colaboração e intercâmbio de informações entre a APDL e a Diputácion de Salamanca, onde também foram abordadas questões do foro das infraestruturas, da área comercial e política de tarifário.

Retomadas obras no Porto de Viana do Castelo para receber navios de maior dimensão

A Administração dos Portos do Douro, Leixões e Viana do Castelo (APDL) retoma em Abril a dragagem rochosa no porto da capital do Alto Minho para acesso de navios de maior dimensão, suspensa em dezembro, devido ao mau tempo.

“A APDL iniciou a empreitada de quebramento, dragagem e remoção de afloramentos rochosos no canal de navegação do porto de Viana do Castelo, a 16 de outubro de 2023. A obra foi suspensa a 04 de dezembro devido ao agravamento das condições atmosféricas e agitação marítima, estando previsto retomar em meados de abril”, refere hoje, em resposta por escrito a um pedido de esclarecimento enviado pela agência Lusa.

INTERRUPÇÃO DA PONTE MÓVEL DE LEIXÕES PARA LIMPEZA DAS ESTRUTURAS E VIDROS DE PROTEÇÃO

A APDL – Administração dos Portos do Douro, Leixões e Viana do Castelo, S.A., informa que a ponte móvel do Porto de Leixões vai estar interdita ao trânsito automóvel, na noite de 29 de fevereiro para 01 de março, das 22:00 às 06:00. O motivo da imobilização da ponte deve-se à necessidade de limpeza regular das estruturas e vidros de proteção de peões da Ponte Móvel.

A limpeza decorrerá entre as 22:00h e as 06:00h, período durante o qual a circulação automóvel será interrompida e controlada pelas forças de segurança.

OREY Shipping concluiu o licenciamento como agente de navegação no Porto de Huelva

A OREY Shipping anuncia que concluiu o licenciamento como agente de navegação no Porto de Huelva, acrescentando assim esta importante localização à sua cobertura Ibérica.

Com presença em Espanha deste 2005, iniciada através da aquisição de uma empresa local em Bilbao, a OREY Shipping foi alargando a sua actividade a outros Portos de Espanha tais como Algeciras, Valência, Sagunto e Gandia e, agora, Huelva. É uma ambição declarada continuar a acrescentar localizações em Espanha por parceira, por crescimento orgânico, ou através de aquisições.

CMAR monitorizou mais de 60.000 viagens de navios em 2023 na costa portuguesa

A Direcção-Geral de Recursos Naturais, Segurança e Serviços Marítimos (DGRM) informa que o Centro de Controlo do Mar (CMAR), através do serviço de controlo de tráfego marítimo do continente, monitorizou a passagem de mais de sessenta mil (60.000) viagens de navios na costa portuguesa durante o ano de 2023, muitos deles com carga perigosa, nos Esquemas de Separação de Tráfego do Cabo da Roca e do Cabo de São Vicente.

A DGRM refere ainda que durante o ano passado foram acompanhadas as viagens associadas a 16.000 escalas de navios que demandaram os portos portugueses.

IMT e Porto de Sines trabalham harmonização de informação logística

O Instituto da Mobilidade e dos Transportes (IMT) e a Admnistração do Porto de Sines reuniram-se, no âmbito do eFTI4EU Project, para iniciar o processo de harmonização entre a Plataforma e os Portais eFTI e a Janela Única Logística.

O Porto de Sines assegura assim, desde o início, o seu envolvimento em mais um processo de vanguarda tecnológica na área logística. O IMT trabalhará em estreita colaboração com outras autoridades nacionais, operadores de transportes, caso do Porto de Sines, e outras partes interessadas para fazer do Regulamento eFTI um ponto de viragem para um transporte de mercadorias mais ecológico e eficiente em Portugal e no resto da Europa.

Cabo submarino de telecomunicações 2AFRICA, que amarra em Carcavelos, reconhecido como projecto de Interesse Público

A Direção-Geral de Recursos Naturais, Segurança e Serviços Marítimos (DGRM) assinala o reconhecimento do projeto de «instalação e amarração de um cabo submarino de telecomunicações intercontinental, em fibra ótica, integrado no sistema 2AFRICA, na praia de Carcavelos», no concelho de Cascais, como ação de relevante interesse público.

José Carlos Simão, Diretor Geral da DGRM, sublinha que «o projeto 2AFRICA consiste num sistema de cabos submarinos que liga a Europa e circundará todo o continente africano, com aproximadamente 45.000Km de comprimento, ligando um total de 33 países, dos quais cinco na Europa, 19 em África, sete no Médio Oriente e dois na Ásia, permitindo com isto a interligação da economia portuguesa a um dos principais backbones de transmissão de dados do mundo».

Porto de Lisboa e Câmara Municipal de Oeiras assinam contrato para gestão partilhada da Frente Ribeirinha em Algés

A Administração do Porto de Lisboa assinou esta segunda-feira com a Câmara Municipal de Oeiras o contrato para a gestão partilhada da Frente Ribeirinha de Algés, através da empresa municipal Parques Tejo, responsável pela gestão do serviço de estacionamento público em Oeiras.

Este acordo ajuda a valorizar a relação porto-cidade, e confere uma nova dinâmica à orla costeira do concelho de Oeiras, sobretudo no eixo entre Algés e a Cruz Quebrada-Dafundo.

PORTO DE AVEIRO ABRE CONCURSO PÚBLICO PARA UNIDADES INDUSTRIAIS DO SECTOR EÓLICO OFFSHORE FLUTUANTE

O Porto de Aveiro abriu Concurso Público para Concessão de Uso Privativo de três parcelas dominiais na Zona de Atividades Logísticas e Industriais (ZALI) do Porto de Aveiro, com área total de 192.090 m2, para unidades industriais do setor eólico offshore flutuante.
Este concurso surge no seguimento da publicitação das parcelas disponíveis e no interesse de mais do que uma entidade em cada uma das parcelas.

PORTO DE AVEIRO MELHORA ASSINALAMENTO MARÍTIMO E REABILITA EDIFÍCIOS DOS MARÉGRAFOS

O Porto de Aveiro concluiu as obras da melhoria do assinalamento marítimo do porto e a reabilitação dos dois edifícios onde se encontram instalados os marégrafos, localizados no molhe central.

A primeira empreitada, no valor de 26.600€, contemplou a realização de trabalhos de pintura, nomeadamente nos farolins e molhes de acesso ao porto, com vista ao melhoramento da segurança da navegabilidade.

A 19 DE FEVEREIRO

MUNICÍPIO DE OEIRAS E ADMINISTRAÇÃO DO PORTO DE LISBOA CHEGAM A ACORDO PARA GESTÃO PARTILHADA DA FRENTE RIBEIRINHA EM ALGÉS

A Câmara Municipal de Oeiras e a Administração do Porto de Lisboa (APL) vão assinar um contrato interadministrativo para a gestão partilhada da Frente Ribeirinha de Algés.

O acordo, que será firmado segunda-feira, dia 19 de fevereiro, às 15:00, na Torre VTS, em Algés, compromete a APL a entregar à empresa municipal Parques Tejo, a gestão e exploração das zonas de estacionamento e dos espaços envolventes da frente ribeirinha de Algés, bem como o usufruto de espaços de atividades e lazer, como a Praia de Algés, possibilitando um reordenamento viário para facilitar a circulação local e criar maior facilidades de estacionamento.

DGRM emitiu 12.498 Cartas de Navegador de Recreio em 2023

A Direção-Geral de Recursos Naturais, Segurança e Serviços Marítimos (DGRM) atingiu um marco notável, processando um total de 12.498 Cartas de Navegador de Recreio em 2023, mantendo o bom ritmo de 2022 ao ultrapassar novamente as 12.000 cartas emitidas. Este resultado destaca o compromisso da DGRM em fortalecer a segurança marítima e promover uma cultura de formação náutica responsável.

PORTO DE LEIXÕES

Lote de carros Peugeot da Stellantis Mangualde saiu rumo à Bélgica em super navio de carga

O Porto de Leixões realizou no dia 7 o primeiro embarque de um lote de viaturas da marca Peugeot, proveniente da Stellantis Mangualde, com rumo à Bélgica.

Com destino ao Porto de Zeebrugge esta operação, realizada pela YILPORT Leixões, juntamente com a CLdN, decorreu no Terminal Multiusos Sul, com as viaturas a embarcarem no navio RO-RO Seraphine, um super navio de carga, ecológico e híbrido.

Município de Faro assume gestão das áreas portuárias e marítimas do núcleo do Farol

O Município de Faro assumiu, a 31 de janeiro, a gestão das áreas portuárias e marítimas no núcleo do Farol da Ilha da Culatra, no âmbito da homologação do protocolo de transferência de competências assinado entre Autarquia e Administração dos Portos de Sines e do Algarve (APS).

Na sequência da conclusão deste processo, iniciado há cerca de dez anos, o núcleo do Farol da Ilha da Culatra mantém-se no domínio público marítimo, mas a manutenção e gestão do seu território passa a ser feita pela Autarquia, com ganhos de proximidade e operacionalidade.

Transinsular investe em novo navio e reforça compromisso com a Região Autónoma da Madeira

A Transinsular, empresa do Grupo ETE, acaba de reforçar a frota com um novo navio, enfatizando assim aquele que é o serviço prestado de abastecimento regular da Região Autónoma da Madeira (RAM). Baptizado em honra daquele arquipélago, o novo Navio “Ilha da Madeira” é mais um forte investimento do Grupo ETE na região, e que demonstra o seu compromisso com a comunidade madeirense. A nova embarcação chegou na noite de 5 de fevereiro ao Porto do Caniçal, na Madeira.

Pela primeira vez, os 4 navios oceânicos «made in Viana» estão juntos no «fim do mundo»

Explorer, Voyager, Navigator e Traveller. Os quatro navios de expedição oceânica construídos ao longo dos últimos quatro anos nos estaleiros navais de Viana do Castelo encontraram-se, dia 31 de Janeiro, no porto mais perto da Antártida, lotados de turistas que desejam visitar aquela região remota do planeta. Esta temporada é a estreia para o Traveller, o quarto dos navios construídos pela WestSea.

APDL marca presença na 1.ª edição da Conferência Short Sea Commodities, em Roterdão

A primeira edição do Short Sea Commodities 24, decorreu a 25 de janeiro, em Roterdão, com a presença de Helena Gomes Fernandes, Diretora Comercial, Marketing e Comunicação, em representação da APDL, ao integrar o vasto painel de oradores convidados.

Esta Conferência, sobre transporte marítimo de curta distância, mercadoria contentorizada, granéis sólidos e carga fracionada na Europa, tem por objetivo ligar o setor da logística marítima ao setor do comércio de mercadorias, reunindo um alargado leque de oradores, com vasta experiência nos setores do comércio de mercadorias e da logística marítima a nível internacional.

Conferência «Mulheres nas Profissões Marítimas»

O Auditório Infante D. Henrique, no Porto de Leixões, acolheu, a 26 de janeiro, a Conferência “Mulheres nas Profissões Marítimas”, promovida pela Escola Superior Náutica Infante D. Henrique (ENIDH) e pelo Clube de Oficiais da Marinha Mercante (COMM).

Prolongado prazo de concurso público para construção do Porto Seco da Guarda

O concurso público para a empreitada de implementação do Porto Seco na Guarda foi prorrogado. O anúncio do prolongamento do procedimento foi publicado dia 26 no “Diário da República”. Os interessados têm mais 22 dias para apresentar propostas, a contar da data de envio do anúncio, que ocorreu a 25 de janeiro.

As obras têm um preço-base de cerca de 4 milhões de euros, de acordo com o anúncio do concurso publicado no dia 4 de dezembro de 2023 no “DR” pela Administração dos Portos do Douro, Leixões e Viana do Castelo (APDL), que é a gestora do terminal ferroviário por concessão atribuída pelo Governo.

Parlamento Europeu quer limitar influência da China nos portos da União Europeia

O Parlamento Europeu adotou uma resolução sobre o desenvolvimento de uma nova estratégia marítima, que apela à restrição do investimento estrangeiro em infraestruturas da União Europeia. Esta restrição inclui portos e aponta, em particular, para a influência crescente da China.

Na Grécia, a empresa pública chinesa COSCO tem uma participação maioritária no porto de Pireu. Stratos Papadimitriou, professor do Departamento de Estudos Marítimos da Universidade de Pireu, disse à Euronews que, inicialmente, "a autoridade portuária concedeu uma concessão à COSCO para a gestão de dois dos três terminais existentes". Posteriormente, "a Autoridade Portuária foi vendida na sua totalidade e a COSCO obteve 67% da propriedade".

Total: 408
1 2 3 4 5 [6] 7 8 9 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20 21