Portos de Portugal
Viagem ao Centro do Mundo

Porto de Viana do Castelo,
Alberga o maior estaleiro do País

Porto de Leixões
Referência na Região Norte do País

Porto de Aveiro
Uma solução Intermodal competitiva

Porto da Figueira da Foz
Promotor da Economia da Região Centro

Porto de Lisboa
Atlantic Meeting Point

Porto de Setúbal
Solução Ibérica na Região de Lisboa

Porto de Sines
Porta do Atlântico

Portos da Madeira
O Paraíso dos Cruzeiros

Portos dos Açores
A sua plataforma no Atlântico

Quem Somos

A APP – Associação dos Portos de Portugal é uma Associação sem fins lucrativos constituída em 1991, com o objectivo de ser o fórum de debate e troca de informações de matérias de interesse comum para os portos e para o transporte marítimo.

Pretende-se que a APP contribua para o desenvolvimento e modernização do Sistema Portuário Nacional, assumindo uma função que esteve subjacente à sua criação: constituir-se como um espaço privilegiado de reflexão e de decisão.



Newsletter

Clique aqui para se registar na newsletter.

Clique aqui para sair da newsletter.

Janela Única Logística


Docapesca abre concurso para modernizar lota de Olhão

A Docapesca lançou um concurso público para a repavimentação do edifício da lota de Olhão, com o valor base de 200 mil euros e prazo de execução de 120 dias, no âmbito de um “conjunto de intervenções no porto de pesca de Olhão, que visam a reorganização e melhoria das condições de trabalho na área portuária”, enquadrada no “objectivo estratégico da Docapesca de modernização e beneficiação dos estabelecimentos de primeira venda de pescado e áreas adjacentes”.

Lotas algarvias vendem menos sardinha e mais cavala

Foi vendido menos peixe e a um preço médio mais baixo nas lotas algarvias, nos primeiros oito meses de 2018, em comparação com período igual de 2017, segundo dados Direção-Geral de Recursos Naturais, Segurança e Serviços Marítimos (DGRM). A quantidade de sardinha caiu quase para metade, enquanto a de cavala aumentou.

4,4 milhões de euros para investir em dragagens no Algarve

O Governo pretende investir em 2019 cerca de 4,4 milhões de euros em obras de dragagem nos portos de pesca e de recreio do Algarve. No total, serão concretizadas sete intervenções na região. Segundo está programado, nos primeiros três meses de 2019 serão investidos 340 mil euros em dragagens de manutenção em Faro, 150 mil em Santa Luzia (concelho de Tavira) e 200 mil em Lagos.

Portugal esgotou quota de pesca atribuída ao espadarte

A DGRM — Direcção Geral de Recursos Naturais, Segurança e Serviços Marítimos informa que, considerando os dados actuais das descargas efectuadas pela frota portuguesa de espadarte (Xiphias gladius), capturado no Oceano Atlântico, a Sul de 5º N (stock Sul), verifica-se que a quota de pesca atribuída a Portugal encontra-se esgotada.
 

Lotas do Norte vendem mais peixe e mais caro

Nos primeiros oito meses de 2018, houve mais peixe descarregado nas quatro lotas do Norte e a um preço médio mais alto do que no mesmo período do ano passado. De acordo com os dados da Direção-Geral de Recursos Naturais, Segurança e Serviços Marítimos, o Norte contabilizou 30 625 toneladas de peixe - mais de metade em Matosinhos (17 253), registando uma subida de 19,4 por cento face a 2017.

PONG-Pesca assinou Declaração dos Açores sobre pesca de atum de salto e vara

A PONG-Pesca assinou a Declaração dos Açores, “que pretende apoiar a Pesca de Atum de Salto e Vara e estabelece o compromisso definitivo para garantir um futuro sustentável e equitativo para estas pescarias, bem como para dar prioridade às necessidades das comunidades e culturas a elas associadas”, refere a organização.

ESTA QUINTA-FEIRA

DGRM promove Seminário sobre os desafios e as oportunidades para a pesca sustentável

A DGRM e a PONG-Pesca promovem o Seminário "Controlo e Monitorização: novos desafios e oportunidades para a pesca sustentável", a decorrer esta quinta-feira, 29 de novembro, no auditório da DGRM situado no campus da Escola Náutica Infante D. Henrique, em Paço de Arcos, Oeiras, entre as 9H30 e as 17H00.

Reunião Anual da ICCAT 2018

Portugal participou de 10 a 19 de novembro, em Dubrovnik, na 21ª Reunião Extraordinária da Comissão Internacional para a Conservação dos Atuns do Atlântico (ICCAT), relativa à gestão e conservação dos atuns no Atlântico para 2019.
Pela sua importância nas pescas portuguesas, destaca-se o atum rabilho, que foi alvo de um aumento de 9 % das possibilidades de pesca.
 

Docapesca conclui instalação de escadas e defensas no Porto de Pesca de Matosinhos

A Docapesca – Portos e Lotas concluiu a reabilitação das escadas e defensas nas pontes-cais nº1 e nº2 do Porto de Pesca de Matosinhos, que representa um investimento de 92 mil euros, parcialmente co-financiada pelo programa operacional Mar 2020, na sequência de empreitada iniciada em Outubro.

Regulamento de fundo comunitário não permite renovação da frota pesqueira

A Ministra do Mar, Ana Paula Vitorino esclareceu, no parlamento, que o regulamento comunitário do Fundo Europeu dos Assuntos Marítimos e das Pescas (FEAMP) não permite a renovação da frota pesqueira.

“O regulamento comunitário relativamente aos fundos do FEAMP não permite o financiamento da renovação da frota”, disse Ana Paula Vitorino, durante uma audição parlamentar conjunta entre a Comissão de Agricultura e Mar e a Comissão de Orçamento, Finanças e Modernização Administrativa.

IPMA em projecto europeu de rastreabilidade e rotulagem do pescado

A Divisão de Aquacultura e Valorização do Instituto Português da Água e da Atmosfera (IPMA) participa num novo projecto europeu de investigação científica, denominado SEATRACES,” na área da rastreabilidade e rotulagem do pescado”, anunciou o IPMA no seu site oficial.

Peixe vendido no Algarve rende 33 milhões de euros

Nos primeiros nove meses deste ano, o pescado vendido nas lotas algarvias rendeu mais de 33 milhões de euros, segundo dados da Direção-Geral de Recursos Naturais, Segurança e Serviços Marítimos. Olhão foi a lota que movimentou maior quantidade de peixe e que gerou mais receitas na região.

40 anos depois de ter sido construído, Porto da Baleeira em Sagres vai ser melhorado

Para 2019 está previsto um investimento na ponte-cais sul de 1,2 milhões de euros, para torná-la completamente operacional, e apenas numa segunda fase será reabilitada a ponte-cais norte, interditada pela Docapesca há cerca de dois anos.

Governo determina regimes de compensação à proibição temporária de pesca da sardinha

O Governo determinou e aprovou os regimes de compensação à proibição temporária das actividades de pesca da sardinha com recurso a artes de cerco, de acordo com uma portaria publicada dia 26 em Diário da República.

Docapesca lança concurso para plataforma de apoio à pesca artesanal

A Docapesca lançou um concurso público para a construção de uma plataforma flutuante de apoio à pesca artesanal no Porto de Vila Praia de Âncora, em Caminha, com um preço base de 145 mil euros e um prazo de execução de 180 dias. De acordo com a empresa, o objectivo é melhorar “as condições de segurança de pessoas e bens no embarque, atracação e acesso a embarcações neste porto”.

OE 2019

Governo quer continuar a assegurar sustentabilidade da pesca da sardinha

O Governo quer continuar a assegurar em 2019 a sustentabilidade da pesca da sardinha, prosseguindo o Programa Especial dos Pelágicos, segundo o relatório que acompanha a proposta de Orçamento do Estado para 2019, entregue segunda-feira no parlamento.

DOCAPESCA

Melhorias nos portos de pesca de Santa Luzia e Cabanas

A Docapesca adjudicou o fornecimento e instalação de portões de controlo de acesso a dois cais flutuantes do Porto de Pesca de Santa Luzia e ao cais flutuante do porto de pesca de Cabanas de Tavira, num investimento de 22.700 euros.

Gui Menezes satisfeito com proposta de aumento da quota do goraz para os Açores

O Secretário Regional do Mar, Ciência e Tecnologia dos Açores, Gui Menezes, mostrou-se satisfeito com a proposta da Comissão Europeia (CE) de aumentar em 11% a quota de goraz para os Açores. Segundo este responsável, a recomendação vai ao encontro do que o Governo regional tem defendido (aumento de 10% no limite de capturas de goraz nos Açores).

Portugal é o país da União Europeia com maior consumo de peixe

Os portugueses consomem, em média, 61,5 kg de pescado por pessoa, sendo o país da União Europeia que mais consome; mundialmente fica depois da Coreia (78,5 kg por pessoa) e Noruega (66,6kg).

Pescadores de sardinha terão 60 dias de apoio público

Em comunicado, o Ministério do Mar salienta que a Ministra Ana Paula Vitorino deu indicações à Direção Geral dos Recursos Naturais, Segurança e Serviços Marítimos (DGRM) para "preparar a portaria regulamentadora do apoio público de 60 dias aos pescadores e empresas do setor da pesca de sardinha abrangidas pela paragem temporária da pesca em vigor até 15 de maio de 2019".

Total: 273
[1] 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12 13 14