Portos de Portugal
Viagem ao Centro do Mundo

Porto de Viana do Castelo,
Alberga o maior estaleiro do País

Porto de Leixões
Referência na Região Norte do País

Porto de Aveiro
Uma solução Intermodal competitiva

Porto da Figueira da Foz
Promotor da Economia da Região Centro

Porto de Lisboa
Atlantic Meeting Point

Porto de Setúbal
Solução Ibérica na Região de Lisboa

Porto de Sines
Porta do Atlântico

Portos da Madeira
O Paraíso dos Cruzeiros

Portos dos Açores
A sua plataforma no Atlântico

Quem Somos

A APP – Associação dos Portos de Portugal é uma Associação sem fins lucrativos constituída em 1991, com o objectivo de ser o fórum de debate e troca de informações de matérias de interesse comum para os portos e para o transporte marítimo.

Pretende-se que a APP contribua para o desenvolvimento e modernização do Sistema Portuário Nacional, assumindo uma função que esteve subjacente à sua criação: constituir-se como um espaço privilegiado de reflexão e de decisão.



Newsletter

Clique aqui para se registar na newsletter.

Clique aqui para sair da newsletter.

Janela Única Logística




MATOSINHOS

Câmara defende verbas comunitárias para novo terminal de contentores do Porto de Leixões

O presidente da Câmara de Matosinhos apela à defesa do Porto de Leixões e inclusão no próximo quadro comunitário de apoio de verbas para construção do novo terminal de contentores e remodelação do Porto de Pesca.
Guilherme Pinto promoveu dia 12 uma visita da comunicação social ao Porto de Leixões, durante a qual foi possível ver as obras atualmente em curso da plataforma logística e do novo terminal de cruzeiros. O autarca defendeu então "o Porto de Leixões como um ativo decisivo para a economia da região" Norte.

SEGUNDO JOÃO CARVALHO, PRESIDENTE DO IPTM:

Greve nos portos «não causa grande impacto na economia»

A greve dos pilotos de barra e dos trabalhadores de tráfego não está a causar grande impacto na economia portuguesa, disse à agência Lusa o presidente do Instituto Portuário e do Transporte Marítimo (IPTM). Segundo o dirigente do sindicato Oficiaismar, Carlos Coutinho, em declarações à Lusa ao início da manhã, os portos portugueses estão totalmente paralisados desde as 0h de hoje devido a esta greve.
Contudo, o presidente do IPTM considera que a greve tem pouco impacto na economia portuguesa: "Em relação aos armadores nacionais não há nenhum impacto. Em relação aos armadores estrangeiros, o impacto que há não é relevante, já que houve atempadamente alterações de escala".

MADEIRA

OPM aposta em sistema de comunicações rápido e seguro

A OPM – Sociedade de Operações Portuárias da Madeira, dedicada à atividade portuária de movimentação de cargas nos portos da Região Autónoma da Madeira e à gestão de todo o parque de contentores, apostou em comunicações wireless rápidas e seguras devido à necessidade de cobrir toda a zona portuária e de atualizar a sua rede wireless já obsoleta com os novos padrões de segurança contemplando também a norma 'N'.

FIGUEIRA DA FOZ

Polícia Marítima intercepta arrastão em pesca ilegal e apreende 300 quilos de pescado

A Polícia Marítima da Figueira da Foz interceptou sexta-feira um arrastão, a cerca de 10 milhas náuticas a Oeste do Cabo Mondego, que utilizava um dispositivo ilegal para reduzir a malha da rede de pesca. Em comunicado, a Polícia Marítima refere que durante a operação de fiscalização foram apreendidos cerca de 300 quilogramas de pescado, que agora será vendido em lota e cuja receita reverterá a favor do Estado.

HÁ DOIS ANOS FOI NOTÍCIA

Armador cubano Melfi escala o porto de Lisboa pela primeira vez

O armador cubano de contentores Melfi Marine Corp. SA, aumentou o seu portfólio de serviços, fazendo a ligação directa entre Lisboa, Canadá e Cuba, num novo serviço que será feito através da Vesselmar, Agência de Navegação Lda., agência nomeada para comercialização e controle das operações da Melfi Marine Corp. SA em Portugal.
A estreia em Lisboa, a primeira em 30 anos de existência da empresa cubana, está programada para 17 de Setembro.

Governo alcança acordo para revisão do regime do trabalho portuário

Álvaro Santos Pereira, ministro da Economia e do Emprego, chegou esta quarta-feira a acordo com trabalhadores e operadores portuários para a revisão do regime jurídico do trabalho portuário, algo que perimitirá descer a factura portuária entre 25 a 30%.
"Este compromisso, que resulta de um amplo diálogo estabelecido com os parceiros sociais, visa alterar o mercado de trabalho deste setor, tornando os portos portugueses mais eficientes e com níveis de competitividade equiparados aos dos seus mais diretos concorrentes europeus, para que melhor possam contribuir para o incremento das exportações nacionais”, pode ler-se num comunicado do Governo.

Porto brasileiro do Itaqui visita Sines

Uma comitiva de técnicos do Porto do Itaqui visitou o Porto de Sines com o principal objetivo de conhecer as soluções tecnológicas em funcionamento neste porto. Os Sistemas de Informação e as respetivas tecnologias de base foram o principal interesse da comitiva do Porto do Itaqui, com a Janela Única Portuária II, o Cartão Único Portuário, o Sistema de Identificação e Informação Geográfica, o ERP e a respetiva integração entre eles a merecerem uma especial atenção.

ESTALEIROS NAVAIS DE VIANA DO CASTELO

Trabalhadores indignados dizem que os ENVC vão ser «vendidos por um euro»

Os trabalhadores dos ENVC vão voltar a sair à rua no dia 1 de outubro, em protesto contra a anunciada reprivatização da empresa, que, acusaram, será feita "por um euro". "O que nos foi dito pela administração dos ENVC é que o ferryboat Atlântida faz parte, como acordo ativo, do caderno de encargos da reprivatização. Assim, os estaleiros vão ser vendidos por um euro, provavelmente", explicou António Costa, coordenador da Comissão de Trabalhadores, em declarações ao 'i'.
Recorde-se que o preço mínimo para a compra dos Estaleiros é de 30 milhões de euros. Porém, só o ferry Atlântida está avaliado em 35 milhões.

Entrega da fiscalização costeira à GNR gerou incómodo mas não afectou colaboração

O ministro da Administração Interna admitiu esta quinta-feira que a passagem da Unidade de Controlo Costeiro do SEF para a GNR gerou “algum incómodo”, vincando, contudo, que não afectou a colaboração entre as forças envolvidas no controlo das fronteiras marítimas.

PORTO DE LEIXÕES

Movimentações no TCL cresceram 27% em Agosto

O Terminal de Contentores de Leixões (TCL) movimentou, em agosto, um total de 51.291 teu's, número que representa um crescimento homólogo de 27% e que dá sequência a um ano de 2012 positivo, no qual já foram movimentados 386.891 teu's (+14% que nos primeiros oito meses de 2011).

UE destina um milhão de euros para ligação ferroviária entre Sines e a Europa

A Comissão Europeia vai participar com 1,07 milhões de euros no cofinanciamento da execução do corredor ferroviário de transporte de mercadorias nº4, que liga o porto de Sines a Espanha e França, inserido no "apoio a parcerias público-privadas e instrumentos financeiros inovadores", no âmbito da Rede Ferroviária Europeia (RTE-T). Os fundos serão divididos pelos três países em questão (Portugal, Espanha e França).

PROGRAMA COMUNITÁRIO DISPONIBILIZA 55 MILHÕES DE EUROS

«Oceanos do Futuro 2013»

A candidatura «Oceanos do Futuro 2013» apresenta tópicos específicos e uma abordagem multitemática, nela se incluindo os sectores das pescas e dos transportes. O programa comunitário encontra-se aberto a candidaturas até 7 de Fevereiro de 2013.
 

Serviço Med Canada, da Hapag-Lloyd, vai escalar Lisboa também no sentido «eastbound»

O serviço Med Canada (MCA), da Hapag-Lloyd, passará a escalar o porto de Lisboa também no sentido 'eastbound' já a partir de outubro, segundo confirmou a companhia germânica em comunicado. A Hapag-Lloyd acrescenta que esta alteração levará a um ganho de nove dias de 'transit time' entre o Canadá e Lisboa.

REINO UNIDO

Ilhas britânicas «atacadas» por caravelas-portuguesas

Banhistas e surfistas britânicos estão a ser avisados pelas autoridades para terem cuidado com a presença fora do normal de grande quantidade de "caravelas-portuguesas" junto às praias. As caravelas-portuguesas, que podem infligir uma dolorosa queimadura e, em alguns casos, causar a morte, estão a aumentar a sua presença nas praias do sudoeste de Inglaterra, País de Gales e Irlanda, havendo até relatos de terem sido vistas várias mais a norte, na ilha de Man.

PELA RIA DE AVEIRO, DOMINGO, 16 DE SETEMBRO

Procissão da Senhora dos Navegantes

A 16 de Setembro realiza-se a já tradicional procissão pela Ria de Aveiro, em honra de Nossa Senhora dos Navegantes, venerada pelas gentes do mar e da laguna. A organização é do Grupo Etnográfico da Gafanha da Nazaré, com a colaboração da Câmara Municipal de Ílhavo e da Administração do Porto de Aveiro.

REACTIVAÇÃO DOS ESTALEIROS NAVAIS DO MONDEGO

José Luís Cacho dá grande ênfase à criação de emprego

Na intervenção proferida esta quinta-feira, na cerimónia de assinatura do contrato de concessão dos Estaleiros Navais do Mondego, José Luís Cacho sublinhou a "valorização dos postos de trabalho e da integração dos ex-trabalhadores dos estaleiros" como uma das virtualidades do projecto assumido pela nova concessionária.
O Presidente do Porto da Figueira da Foz deu ainda destaque ao apoio recebido por parte da tutela (leia-se Ministério da Economia e Secretaria de Estado dos Transportes), em todo o processo.
 

CARLOS COSTA, RESPONSÁVEL DA NOVA CONCESSIONÁRIA DOS ESTALEIROS NAVAIS DO MONDEGO

«É hora de passar à acção!»

Figueira da Foz, 06 set (Lusa) - O responsável da nova concessionária dos Estaleiros Navais do Mondego, Figueira da Foz, exortou hoje os governantes a deixarem os discursos e apostarem no mar como recurso estratégico, e a fazê-lo em concertação com países de língua portuguesa.
"De uma vez por todas que se utilizem políticas verdadeiramente viradas para o mar. Temos de nos deixar de fazer bonitos discursos e passar à ação, e com ações concretas", declarou Carlos Costa, da Atlanticeagle Shipbuilding, Lda., após celebrar o contrato de concessão no Porto da Figueira da Foz.

 

Portugal sem nenhum navio patrulha operacional

Os três últimos navios-patrulha da classe Cacine, com mais de 40 anos de operação e responsáveis pela fiscalização costeira e ribeirinha estão todos parados, disse esta quinta-feira fonte próxima da Marinha. O Navio da República Portuguesa (NRP) Zaire encontra-se em terra há vários meses para avaliação e não deverá ser recuperado devido ao seu avançado estado de degradação. Outro NRP, o Cacine, está a ser alvo de manutenção periódica até meados de setembro e o NRP Cuanza, que operava na Madeira, está atracado na Base Naval do Alfeite, desde julho, e aí ficará pelo menos até final do ano.

 

Barras de Vila do Conde e da Póvoa de Varzim vão, «finalmente», ser dragadas

Por fim, chegou a notícia há muito esperada. Os apelos contínuos feitos pela Câmara Municipal de Vila do Conde e pelos organismos representativos dos homens do mar parece irem agora ter resposta positiva. Com efeito, os trabalhos de dragagem de areia na entrada dos portos de Vila do Conde e da Póvoa de Varzim devem começar na próxima semana, com um prazo de realização previsto de três meses, anunciou a autarquia vilacondense. O custo da empreitada cifra-se em 1,2 milhões de euros, correspondente à retirada de 122 mil metros cúbicos de areia na barra de Vila do Conde e de 73 mil metros cúbicos na da Póvoa de Varzim.

ASAE «muda» pescadores de Vila Praia de Âncora

A nova lota do portinho de Vila Praia de Âncora começou a funcionar um mês antes do previsto depois de a Autoridade de Segurança Alimentar e Económica (ASAE) ter encerrado o espaço anterior na sextafeira.
Contactado pela agência Lusa, o presidente da Associação de Pescadores de Vila Praia de Âncora, em Caminha, confirmou a antecipação desta mudança e o levantamento de pelo menos quatro processos por parte da ASAE, sobretudo por questões de higiene.

Total: 3523