Portos de Portugal
Viagem ao Centro do Mundo

Porto de Viana do Castelo,
Alberga o maior estaleiro do País

Porto de Leixões
Referência na Região Norte do País

Porto de Aveiro
Uma solução Intermodal competitiva

Porto da Figueira da Foz
Promotor da Economia da Região Centro

Porto de Lisboa
Atlantic Meeting Point

Porto de Setúbal
Solução Ibérica na Região de Lisboa

Porto de Sines
Porta do Atlântico

Portos da Madeira
O Paraíso dos Cruzeiros

Portos dos Açores
A sua plataforma no Atlântico

Quem Somos

A APP – Associação dos Portos de Portugal é uma Associação sem fins lucrativos constituída em 1991, com o objectivo de ser o fórum de debate e troca de informações de matérias de interesse comum para os portos e para o transporte marítimo.

Pretende-se que a APP contribua para o desenvolvimento e modernização do Sistema Portuário Nacional, assumindo uma função que esteve subjacente à sua criação: constituir-se como um espaço privilegiado de reflexão e de decisão.



Newsletter

Clique aqui para se registar na newsletter.

Clique aqui para sair da newsletter.

Janela Única Logística




Francisco Teixeira:

O sector dos cruzeiros regressará mais forte

Vamos levar algum tempo a reconstruir e a voltar para onde estávamos. Mas isso é o que a nossa indústria faz.
Existe uma razão pela qual esta é a maior e mais importante indústria do mundo de hoje, e é porque as pessoas precisam dela. Depois do Covid-19, a necessidade de estar com outras pessoas, de ter novas experiências, será realmente mais valiosa do que era.

Mário Ferreira descarta despedimentos no turismo e diz que «ainda vai contratar»

O empresário Mário Ferreira, dono, entre outras empresas do turismo, da Douro Azul, garante, em entrevista à Lusa, que não vai despedir, assegurando até que o grupo "ainda vai contratar mais", apesar do impacto da pandemia.

"Temos 500 trabalhadores em 'lay-off' e não vamos despedir. Ainda vamos contratar mais em Portugal e fora", assegura o empresário.

Governo mantém até 15 de Junho interdição do desembarque de cruzeiros

A interdição do desembarque e licenças para terra de passageiros e tripulações dos navios de cruzeiro nos portos nacionais foi prolongada pelo Governo, pela segunda vez, até às 00:00 de 15 de junho, revela um despacho publicado.

Publicado em suplemento do Diário da República de quinta-feira, para produzir efeitos a partir das 00:00 horas desse dia, admite nova prorrogação deste diploma “em função da evolução da situação epidemiológica”.

Governo prorroga até 17 de maio proibição de desembarque de passageiros de cruzeiros

O Governo decidiu prorrogar até às 24:00 do dia 17 de maio a interdição do desembarque e licenças para terra de passageiros e tripulações de cruzeiros nos portos nacionais, segundo um despacho publicado em Diário da República.

Segundo o diploma, que entra em vigor às 00:00 de sábado, 2 de Maio, esta interdição "não se aplica aos cidadãos nacionais ou aos titulares de autorização de residência em Portugal", sendo também possível o desembarque "em casos excecionais ou urgentes, mediante autorização da autoridade de saúde, nomeadamente por razões humanitárias, de saúde ou para repatriamento imediato, sem entrada em território nacional".

MSC WORLD CRUISE 2020

Chegou ao fim o último cruzeiro ainda em navegação

Foi a 5 Janeiro que o MSC Magnifica saiu de Génova para o seu cruzeiro de volta ao mundo, e, nessa altura, o mundo era muito diferente. A pandemia ainda não tinha nome e não passava de uma estranha pneumonia. Não havia mortes e a Organização Mundial de Saúde relatava apenas 59 infectados, todos na cidade Wuhan, China.

Nenhum dos 1760 passageiros do MSC Magnifica, a maior parte franceses, italianos e alemães, imaginava que aqueles dias iriam transformar o mundo como hoje o conhecemos. Mas o espírito e a expetativa para um cruzeiro de 117 dias à volta do mundo estava em alta.

Restrições à acostagem de navios de cruzeiro até 30 de Abril em Portugal

Segundo despacho (4394-D/2020) publicado em Diário da República, o Governo português decidiu manter a interdição do desembarque e licenças para terra de passageiros e tripulações dos navios de cruzeiro nos portos nacionais, mantendo, ainda assim, algumas excepções, isto porque a medida não se aplica aos cidadãos nacionais ou aos titulares de autorização de residência em Portugal.

CRUZEIROS

Os quatro navios da Fred Olsen hão-de voltar ao Funchal!

O encontro entre os quatro navios da Fred Olsen no Funchal deveria ter-se realizado este sábado. A companhia, a APRAM e a AP prepararam um programa que envolvia os passageiros, a tripulação e a cidade anfitriã. Mas, o coronavírus não deixou.
Os quatro navios estão parados em Inglaterra, com a tripulação e saíram este sábado para o largo. Os tripulantes envergaram as t´shirts feitas de propósito para o encontro dos 4 Fred´s no Funchal. Eles voltarão à Madeira!

MSC Cruzeiros prolonga a suspensão das operações de toda a frota até 29 de maio

A MSC Cruzeiros decidiu prolongar a suspensão das novas partidas em toda a frota até 29 de maio, à luz das circunstâncias extraordinárias que o mundo continua a enfrentar, relacionadas com a emergência de saúde global do vírus Covid-19.

A Companhia já tinha anunciado a suspensão temporária de todos os seus navios em todo o mundo até 30 de abril. Como os governos de todo o mundo reforçaram ainda mais as medidas de saúde e segurança pública em terra para proteger as populações locais e conter a propagação do vírus, a decisão de hoje da MSC Cruzeiros de estender esta medida extraordinária visa reflectir e apoiar ainda mais a eficácia destes esforços.

COSTA DELIZIOSA IA DAR A VOLTA AO MUNDO

Agora cruzeiro com 1800 passageiros procura porto para atracar

Quando partiram de Barcelona a 11 de janeiro, o mundo era diferente. O cruzeiro Costa Deliciosa, com cerca de 1800 passageiros, deveria dar a volta ao mundo mas a viagem foi suspensa, algures entre a Austrália e Madagáscar. O navio encontra-se oceano Índico à espera de autorização para atracar em algum porto. Os passageiros, com uma média de idade superior a 70 anos, são sobretudo espanhóis, franceses, italianos e alemães.

Governo proíbe desembarque de passageiros de cruzeiros

O Conselho de Ministros de quinta-feira decidiu proibir o desembarque de passageiros de navios de cruzeiro, à excepção dos residentes em Portugal. A proibição integra o conjunto de medidas extraordinárias e de caráter urgente de resposta à situação epidemiológica do novo Coronavírus – COVID 19 implementadas pelo Executivo.

Celebrity Edge navegou com primeira ponte de comando 100% feminina

Muito progresso tem sido feito, mas a realidade é que ainda só há 2% de mulheres no setor marítimo. E é essa realidade que a Celebrity Cruises pretende mudar. A companhia de cruzeiros de luxo moderno é líder na indústria quando o assunto são as iniciativas como a #BRIDGEthegap, que buscam tornar o futuro mais diverso. A Celebrity foi a pioneira no setor de cruzeiros a contratar uma capitã de navio, a norte-americana Kate McCue. E foi novamente notícia quando anunciou que 22% da ponte de comando era composta por mulheres. Agora, deu mais um passo histórico com a primeira navegação feita por uma tripulação e time de ponte de comando compostos exclusivamente por mulheres.

PORTO DE LISBOA

Turistas de cruzeiro cresceram 75% em janeiro

Os turistas de cruzeiro no porto de Lisboa ascenderam a 31.028, o que representou um crescimento de 74,6% face ao período homólogo de 2019, em que registaram 17.771 turistas de cruzeiro.

Segundo os dados recolhidos pelo boletim informativo do Observatório de Turismo de Lisboa, os navios de cruzeiro que escalaram o porto da capital também registaram um aumento, na ordem dos 66,7%, de 12 para 20 navios.

ESTA QUINTA-FEIRA

Oceana no Porto de Lisboa

Esta quinta-feira, dia 5, o Porto de Lisboa recebe o navio de cruzeiros Oceana, que se encontra a realizar um cruzeiro de 14 noites, tendo Southampton como homeport e Funchal, Tenerife, Gran Canaria, Arrecife e Cádis como portos de escala.
Esta será a 5ª de 7 escalas que o Oceana tem previstas no Porto de Lisboa durante o ano de 2020.

Cruzeiros em Leixões voltam a ser distinguidos pelos Prémios de Excelência da CruisesNews 2020

A actividade de cruzeiros em Leixões voltou a ser distinguida pelos Prémios de Excelência da CruisesNews Media Group. Na cerimónia de entrega de galardões, que decorreu na Corunha, em Espanha, a Administração dos Portos do Douro, Leixões e Viana do Castelo (APDL) viu reconhecida, pela Autoridade Portuária da Corunha, a relação de cooperação que ambos os portos mantêm e que muito tem contribuído para o aumento do tráfego de cruzeiros.

MSC CRUZEIROS

Embarcar à porta de casa

Para os viajantes que pretendem embarcar à porta de casa sem necessidade de voos, o grande destaque da temporada 2021 vai para a série de cruzeiros com saída e chegada a Lisboa e ao Funchal em setembro, outubro e novembro, a bordo do MSC Virtuosa e do MSC Splendida, respectivamente, o que disponibiliza um aumento de capacidade em ambos os portos relativamente a 2020.

28 DE FEVEREIRO

Black Watch no Porto de Lisboa

No dia 28 de fevereiro o Porto de Lisboa recebe o navio de cruzeiros Black Watch que se encontra a realizar um cruzeiro de 13 noites, tendo Southampton como homeport e Cádis, Málaga, Almeria, Lisboa e Vigo como portos de escala.
Esta é a terceira de onze escalas que o Black Watch tem previstas ao Porto de Lisboa em 2020.
Com 205 metros de comprimentos, capacidade para 804 passageiros e 350 tripulantes, o Black Watch estreou-se no Porto de Lisboa em 1996, ano em que começou a navegar.

A Viking Cruises vai recrutar na 6ª Feira de Emprego & Carreiras - Trabalhar num Navio

A companhia norueguesa de cruzeiros de luxo em rios e oceanos opera actualmente 78 navios em todo o mundo e pretende recrutar profissionais de hotelaria e de operações técnicas.

Nos próximos quatro anos a Viking vai lançar mais 20 navios de cruzeiros em rios; nos próximos cinco anos serão também lançados mais 9 navios de cruzeiros oceânicos, incluindo cruzeiros de expedição. Este forte crescimento precisa de milhares de novos colaboradores, e Portugal faz parte dos planos de contratação da Viking.

Porto do Funchal com potencial gerador de 56 milhões para a economia local

Os dois principais portos de cruzeiros de Portugal tiveram um 2019 de bons resultados, amealhando em conjunto mais de 1,1 milhões de passageiros em trânsito ou embarcando e desembarcando, com destaque para o Porto do Funchal que pela sétima vez (cinco delas consecutivas), na sua já longa relação com a indústria de cruzeiros ultrapassou os 500 mil turistas movimentados. Um sector que tem potencial para gerar 55,8 milhões de euros nos gastos dos turistas em terra.

CRUZEIROS

Inovador Scarlet Lady já navega pela Virgin Voyages de Richard Branson

A Virgin Voyages recebeu o primeiro navio de cruzeiro, Scarlet Lady, do construtor de navios italiano Fincantieri, em Génova.

O Scarlet Lady, que é o primeiro navio de cruzeiros construído para a Virgin Voyages de Richard Branson, foi entregue pelo construtor de navios italiano Fincantieri. O navio foi oficialmente concluído após três anos de desenvolvimento.

Obra em Portimão permite acostagem de dois navios

O Porto de Portimão iniciou obras de construção de dois duques de alba e de remoção de 27 mil m3 de areia, o que irá permitir a acostagem e amarração de dois navios em simultâneo, anuncia a autarquia.

A obra tem um custo de 1,88 milhões de euros e deverá terminar no mês de julho, sendo um resultado do investimento na melhoria das infraestruturas do cais comercial, em condições de segurança e operação de navios.

Total: 1194