Portos de Portugal
Viagem ao Centro do Mundo

Porto de Viana do Castelo,
Alberga o maior estaleiro do País

Porto de Leixões
Referência na Região Norte do País

Porto de Aveiro
Uma solução Intermodal competitiva

Porto da Figueira da Foz
Promotor da Economia da Região Centro

Porto de Lisboa
Atlantic Meeting Point

Porto de Setúbal
Solução Ibérica na Região de Lisboa

Porto de Sines
Porta do Atlântico

Portos da Madeira
O Paraíso dos Cruzeiros

Portos dos Açores
A sua plataforma no Atlântico

Quem Somos

A APP – Associação dos Portos de Portugal é uma Associação sem fins lucrativos constituída em 1991, com o objectivo de ser o fórum de debate e troca de informações de matérias de interesse comum para os portos e para o transporte marítimo.

Pretende-se que a APP contribua para o desenvolvimento e modernização do Sistema Portuário Nacional, assumindo uma função que esteve subjacente à sua criação: constituir-se como um espaço privilegiado de reflexão e de decisão.



Newsletter

Clique aqui para se registar na newsletter.

Clique aqui para sair da newsletter.

Janela Única Logística




MODERNIZAÇÃO DOS PORTOS

Delegação portuguesa na Noruega conheceu soluções energéticas eficientes para o sector marítimo

Delegação portuguesa na Noruega conheceu soluções energéticas eficientes para o sector marítimo e visitou as instalações de empresas de última geração, designadamente a maior operadora offshore da Noruega, a Equinor; e a Corvus Energy, um exemplo ao nível da utilização de baterias de última geração em navios e embarcações offshore que permitem a redução de emissões de carbono.

A delegação portuguesa visitou ainda a Wergeland Base AS e conheceu o projeto pioneiro da Equinor - Hywind Scotland -, o primeiro parque eólico flutuante do mundo, em funcionamento desde 2017.

PORTO DE LISBOA

Aprovado financiamento para implementação da Fase 1 do projeto «Onshore Power Supply»

A entidade gestora do Sustentável 2030/Programa de Ação Climática e Sustentabilidade (PACS) aprovou a candidatura e financiamento da operação para a implementação de uma solução de abastecimento de energia “Onshore Power Supply” (OPS) no Porto de Lisboa.

O projeto irá permitir ao Porto de Lisboa criar a infraestrutura elétrica para a implementação de um sistema de abastecimento de energia elétrica aos navios em cais, até 2029, visando a melhoria da qualidade do ar e redução significativa da pegada carbónica das operações portuárias

APDL impulsiona transição para transporte elétrico em colaboração inovadora com o IKEA e KLOG

A Administração dos Portos do Douro, Leixões e Viana do Castelo, S.A. (APDL) colabora na iniciativa revolucionária para a implementação de veículos elétricos no transporte de mercadorias em Portugal. Terça-feira, 18 de junho, foi apresentado na sede da KLOG o camião elétrico da KLOG que realizará o transporte de mercadorias do IKEA para o Porto de Leixões. O evento, que contou com a presença de Hugo Lopes, da Direção Desenvolvimento e Sustentabilidade da APDL, e representantes do IKEA, Scania e KLOG, visou promover a sustentabilidade e reduzir as emissões de carbono no setor logístico.

Esta transição elétrica é resultado do desafio lançado em 2023 pela IKEA Supply Chain Operations e pelo Scania Group, marcando um avanço ousado no mercado português, onde a eletrificação do transporte pesado ainda enfrenta desafios consideráveis.

CSWind inaugurou obra de ampliação de instalações no Porto de Aveiro

A CSWind inaugurou a obra de ampliação das suas instalações no Porto de Aveiro, na Gafanha da Nazaré. A multinacional produz equipamentos em aço para o mercado da energia eólica (torres eólicas), e tem duas instalações localizadas em Portugal.

A CSWind já investiu mais de 125 milhões de euros no seu projeto industrial. Passou de 350 trabalhadores para mais de 1200 e continua em processo de recrutamento de trabalhadores, referiu à Terra Nova o Director de Produção, Joel Ribeiro

A 7 DE MAIO

Evento «Unlocking the Power of Hydrogen: Industrial Green Strategy for a Sustainable Europe»

A ZERO convida a participar no Unlocking the Power of Hydrogen: Industrial Green Strategy for a Sustainable Europe, no dia 7 de maio, em Lisboa (e também online). Este evento pretende avaliar criticamente o potencial do hidrogénio verde para uma nova estratégia industrial com um foco específico em Portugal e na Alemanha, no quadro da estratégia Europeia.

Serão abordados vários temas, tais como o transporte do hidrogénio em longas distâncias, os sectores prioritários para uma utilização eficiente do hidrogénio verde e o desenvolvimento de novas indústrias consumidoras de hidrogénio verde em Portugal.

Transporte de combustível Prio entre Aveiro e Sines por via férrea diminui pegada carbónica

A PRIO iniciou neste mês de Abril o transporte de combustíveis líquidos por via-férrea, entre o Porto de Aveiro e Sines.

O Terminal de Granéis Líquidos recebeu o primeiro de dois comboios do novo serviço regular de distribuição de biocombustível, no dia 18 de abril, inaugurado pela PRIO.

O transporte vai permitir retirar todos os meses dezenas de camiões das estradas, segundo anuncia em comunicado o Porto de Aveiro.

PORTOS DE AVEIRO E DA FIGUEIRA DA FOZ PARTICIPAM NO «OCEANIC RENEWABLE SUMMIT 2024»

Os Portos de Aveiro e da Figueira da Foz participaram no “Oceanic Renewable Summit 2024”, promovido pela APREN - Associação Portuguesa de Energias Renováveis, que decorreu no dia 17 de abril, em Lisboa.

Eduardo Feio, Presidente dos Conselhos de Administração dos Portos de Aveiro e da Figueira da Foz, integrou o painel de debate dedicado ao tema “Reinforcing a Local Supply Chain to Unlock an Economic Opportunity”, moderado por Gisela Santos, Diretora da Unidade de Gestão e Engenharia Industrial do INEGI, e que contou, ainda, com a participação de José Luis Inogés Esteban, Gestor de Desenvolvimento de Negócios da Navantia, S.A., S.M.E, Pedro Ponte, Diretor de Equipamentos, Infraestruturas e Ambiente da Administração dos Portos de Setúbal e Sesimbra, e Ricardo Gomes, Vice-Presidente do Conselho de Administração da AICCOPN.

APRAM investe em eficiência energética no Porto do Funchal

A Administração dos Portos da Região Autónoma da Madeira (APRAM) vai investir 14,9 mil euros num estudo para melhorar a eficiência energética dos edifícios da Gare Marítima do Porto do Funchal, Gare do Cais 6, Centro Náutico de São Lázaro e Cais 8.

A perspetiva, avança a presidente do conselho de administração da APRAM, Paula Cabaço, é obter uma poupança anual na ordem dos 35 mil euros. “O nosso compromisso com o ambiente e com a sustentabilidade é muito sério, e este é mais um passo no sentido de tornarmos os Portos da Madeira mais eficientes em termos energéticos, com ganhos ambientais e económicos”, sublinha Paula Cabaço.

Porto de Setúbal recebe primeiro posto de carregamento eléctrico para náutica de recreio

A Administração do Porto de Setúbal e Sesimbra (APSS) e a Mobi.E assinaram dia 11 de abril um protocolo de cooperação que contempla a instalação, na Doca das Fontaínhas, de um posto de abastecimento para embarcações elétricas de recreio.

O Protocolo de cooperação, assinado pelo do Presidente da APSS, Carlos Correia, e pelo CEO da Mobi.E, Luís Barroso, prevê “o desenvolvimento e implementação de estruturas de carregamento de veículos elétricos, incluindo para efeitos do presente protocolo viaturas, ligeiras e pesadas, e embarcações de recreio, de pesca e de atividade marítimo-turística, nas áreas sob jurisdição da APSS” e pretende “dar o seu contributo para os objetivos de desenvolvimento sustentável da Agenda 2030 das Nações Unidas, do Plano ECO.AP 2030, do Plano Nacional de Energia e Clima (PNEC 2030) e do Roteiro para a Neutralidade Carbónica 2050 (RNC 2050).

Projecto vai permitir aumentar o volume de mercadorias transportadas por comboio

Porto de Setúbal avança com electrificação dos acessos ferroviários aos terminais portuários

O concurso público para a electrificação do “last mile” ferroviário, de acesso aos terminais portuários do Porto de Setúbal, já foi lançado e irá permitir reduzir os constrangimentos existentes na ligação dos terminais à rede ferroviária nacional. Esta obra compreende a eletrificação dos ramais e canais de acesso aos terminais, facilitando a etapa final do transporte (last mile) e a reformulação do layout ferroviário para permitir manobras entre o porto e o complexo de mercadorias de Praias do Sado.

O investimento será de 17,5 milhões de euros, o prazo para apresentação de propostas decorre até 1 de julho e o período previsto para a realização dos trabalhos é de 420 dias.

Sector das eólicas e offshore é prioridade para APSS

Porto de Setúbal marcou presença na WindEurope 2024

O Porto de Setúbal esteve presente na WindEurope 2024, em Bilbao, naquele que é considerado o maior evento europeu da indústria eólica on-shore e offshore e respetiva cadeia de valor. Entre 20 e 22 de março, mais de 12 mil profissionais do setor puderam assistir a cerca de 40 conferências e ouvir 250 palestrantes, ficando a conhecer as principais novidades do mercado eólico, a nível europeu e mundial.

APSS instala Sistema de Energia Solar

A APSS - Administração dos Portos de Sesimbra e Setúbal, S.A. instalou um Sistema Solar Carpark no parqueamento do seu edifício sede, constituído por um conjunto de 132 painéis solares fotovoltaicos monocristalinos, destinado à produção de energia elétrica para autoconsumo. Uma intervenção que se enquadra na resposta aos desafios estratégicos de descarbonização e transição energética da empresa.

A eletricidade produzida permitirá a redução em cerca de 40 a 45% da fatura de energia elétrica. A instalação, a cargo da empresa Keepon, representou um investimento de 52 mil euros, prevendo-se um retorno num período de 4 anos, além da melhoria significativa da qualidade do estacionamento no edifício sede.

O PRIMEIRO COMBUSTÍVEL DO MUNDO 100% SUSTENTÁVEL É PORTUGUÊS!

O primeiro combustível do mundo 100% sustentável é produzido em Portugal, mais precisamente no estuário do Sado, junto aos estaleiros navais.

A Eco-Oil é a empresa produtora do Eco-Green Power que em agosto de 2022 recebeu o certificado de garantia de redução de emissões de CO2 em 99,75%. A proporção é simples: por cada tonelada de fuel “limpo” que vai para o mercado, é menos uma tonelada de combustível fóssil que se usa.

Prio fez primeiro abastecimento de ECO Bunkers B20 no Porto de Aveiro

A Prio concretizou, dia 15, o primeiro abastecimento de ECO Bunkers B20 no Porto de Aveiro. É um passo considerado muito relevante pela empresa instalada no Porto de Aveiro que aposta em produtos ligados à descarbonização do setor marítimo.

O navio abastecido pertence à frota de navios Schulte & Bruns Nederland BV que faz escala regularmente no Porto de Aveiro.

Porto de Sines integra debate sobre presente e futuro da transição energética do sector marítimo em Portugal

No dia 9 de fevereiro, o Presidente da APS - Administração dos Portos de Sines e do Algarve, S.A, José Luís Cacho, integrou o painel de debate sobre Green Shipping/Maritime Challenges no Terminal de Cruzeiros do Porto de Leixões, numa conferência centrada nos desafios que o sector marítimo atravessa na rota para a neutralidade carbónica.

Num painel multifacetado que pretendeu discutir o presente e futuro do setor marítimo em Portugal, o Presidente da APS ponderou sobre os desafios no processo de transição energética no porto, destacando a importância das ferramentas digitais em desenvolvimento no âmbito da Agenda NEXUS na concretização do plano estratégico do Porto de Sines, aliando o processo de transição energética e digital aos corredores logísticos servidos pelo Porto de Sines.

AÇORES | COM VÍDEO

Atlânticoline lança concurso para construção de navios eléctricos

A Atlânticoline lançou o concurso para a construção de dois navios eléctricos para a operação nas ilhas do Triângulo – o preço base é de 25 milhões de euros.

A empresa espera que os novos barcos comecem a navegar em 2026.

Porto do Funchal integra projeto de investigação europeu para criar infraestruturas eficientes e sustentáveis

O projeto de investigação SHIFT to Direct Current (SHIFT2DC), cujo principal objetivo é criar infraestruturas de energia mais inteligentes, eficientes e sustentáveis, recebeu um financiamento superior a 11 milhões de euros, no âmbito do Programa Horizonte Europa, e envolve mais de 30 parceiros de 12 países, nomeadamente Alemanha, Bélgica, Espanha, Estónia, França, Países Baixos, Hungria, Itália, República Checa, Suécia, Suíça e Portugal.

Em território português, o Porto do Funchal é o único que integra a iniciativa, infoma a APRAM – Administração dos Portos da Região Autónoma da Madeira.

APRAM investe 700 mil euros em projeto para o fornecimento de energia verde a navios atracados

A APRAM S.A. (Administração dos Portos da Região Autónoma da Madeira) vai investir cerca de 700 mil euros no Green Ports Madeira, um projeto em parceria com a Empresa de Eletricidade da Madeira, co-financiado pela União Europeia em 50%.

O projeto Green Ports Madeira pretende avaliar a viabilidade e o impacto do desenvolvimento de infraestruturas de Onshore Power Supply (OPS) e de descarbonização nos portos, possibilitando, por exemplo, que os navios atracados desliguem os seus motores ligando-se à rede elétrica, sem interrupção do funcionamento das máquinas e dos serviços de bordo.

«MSC WORLD EUROPA» LIGA-SE COM SUCESSO À ENERGIA EM TERRA PELA PRIMEIRA VEZ NO MAR MEDITERRÂNEO

A MSC Cruzeiros continua a avançar no seu compromisso com a sustentabilidade ambiental ao ter ligado com sucesso o MSC World Europa à energia em terra no porto de Valetta, Malta- a primeira instalação de energia em terra operacional no Mediterrâneo.

A MSC Cruzeiros efectuou os primeiros testes no inicio deste ano em La Valetta e a experiência adquirida contribuiu para aperfeiçoar a processo de implementação da energia em terra. A partir de agora, o MSC World Europa ligar-se-à às instalações de energia em terra quando fizer escala em Valetta. O navio fará escalas todas as semanas durante todo o próximo ano e em 2025.

Central fotovoltaica instalada no principal porto de pesca do Algarve

A Docapesca – Portos e Lotas revela que foi concluída a empreitada de instalação da nova central fotovoltaica para autoconsumo no Porto de Pesca de Olhão.

“O projeto, que representa um investimento de 200 mil euros, contemplou a reabilitação e reutilização de um sistema porticado em betão para estacionamento de viaturas, com a integração do sistema de produção fotovoltaica”, adianta a empresa pública. Refira-se que o Porto de Olhão é o que movimenta maior quantidade de pescado no Algarve.

Total: 25
[1] 2