Portos de Portugal
Viagem ao Centro do Mundo

Porto de Viana do Castelo,
Alberga o maior estaleiro do País

Porto de Leixões
Referência na Região Norte do País

Porto de Aveiro
Uma solução Intermodal competitiva

Porto da Figueira da Foz
Promotor da Economia da Região Centro

Porto de Lisboa
Atlantic Meeting Point

Porto de Setúbal
Solução Ibérica na Região de Lisboa

Porto de Sines
Porta do Atlântico

Portos da Madeira
O Paraíso dos Cruzeiros

Portos dos Açores
A sua plataforma no Atlântico

Quem Somos

A APP – Associação dos Portos de Portugal é uma Associação sem fins lucrativos constituída em 1991, com o objectivo de ser o fórum de debate e troca de informações de matérias de interesse comum para os portos e para o transporte marítimo.

Pretende-se que a APP contribua para o desenvolvimento e modernização do Sistema Portuário Nacional, assumindo uma função que esteve subjacente à sua criação: constituir-se como um espaço privilegiado de reflexão e de decisão.



Newsletter

Clique aqui para se registar na newsletter.

Clique aqui para sair da newsletter.

Janela Única Logística



Notícias

VIAJANDO PELA HISTÓRIA - 1916

A falta da Marinha Mercante não deixa desenvolver a Agricultura

"Só o vinho poderiamos exportar em boas condições, mas a falta da marinha mercante nacional, tem dado lugar a que a Italia e a Hespanha nos tenham quasi escorraçado dos mercados do Brasil, e se lhe não acudimos a tempo a nossa exportação será nula.
Outro grande mal, é a falta de bons caixeiros viajantes, que fossem á America do Sul vender os nossos productos, quer do vinho, quer das nossas preciosas fructas".

Continuar a ler aqui







Artigos relacionados:

  • Lisboa, Caes de Madrid
  • e, em breve para os portos do Pacífico, em direitura, por essa obra admirável da engenharia, o canal do Panamá
  • A «Veneza de Portugal» em festa
  • Esquadra naval italiana em Lisboa
  • As regatas da Trafaria e de Paço d'Arcos
  • As nossas praias
  • A Sedução da Praia - São todas noivas do mar sultão insaciável!
  • Defeito das praias do Algarve: estarem ainda pouco menos que desconhecidas
  • Não comprem sem nos consultar