Portos de Portugal
Viagem ao Centro do Mundo

Porto de Viana do Castelo,
Alberga o maior estaleiro do País

Porto de Leixões
Referência na Região Norte do País

Porto de Aveiro
Uma solução Intermodal competitiva

Porto da Figueira da Foz
Promotor da Economia da Região Centro

Porto de Lisboa
Atlantic Meeting Point

Porto de Setúbal
Solução Ibérica na Região de Lisboa

Porto de Sines
Porta do Atlântico

Portos da Madeira
O Paraíso dos Cruzeiros

Portos dos Açores
A sua plataforma no Atlântico

Quem Somos

A APP – Associação dos Portos de Portugal é uma Associação sem fins lucrativos constituída em 1991, com o objectivo de ser o fórum de debate e troca de informações de matérias de interesse comum para os portos e para o transporte marítimo.

Pretende-se que a APP contribua para o desenvolvimento e modernização do Sistema Portuário Nacional, assumindo uma função que esteve subjacente à sua criação: constituir-se como um espaço privilegiado de reflexão e de decisão.



Newsletter

Clique aqui para se registar na newsletter.

Clique aqui para sair da newsletter.

Janela Única Logística



Notícias

Peniche vai produzir energia a partir das ondas

Os Estaleiros Navais de Peniche (ENP) estão a concluir a construção de um projeto-piloto para criação de energia elétrica através das correntes marítimas. Esta inovação, de tecnologia finlandesa, já foi testada em terra. A inauguração está prevista para esta Primavera.

São necessários apenas mais dois meses para terminar a montagem da estrutura metálica que mede 44 metros de comprimento e 16 metros de largura, num total de 280 toneladas de peso.

Foram também implementadas asas de 13 metros de largura e 7 de altura que a corrente marítima irá movimentar e, assim, produzir energia.

“A eletricidade é gerada a partir do movimento de oscilação das asas instaladas na plataforma metálica que ficará submersa a mais de 12 metros de profundidade. Esse movimento resulta das correntes submersas que a passagem das ondas provocam nessa região” explica Álvaro Oliveira, Diretor Geral dos ENP, ao Boas Notícias.

Esta tecnologia irá começar a funcionar até à próxima Primavera e será capaz de produzir 300 Kw de energia por hora, o que será suficiente para abastecer um aglomerado com cerca de dois mil habitantes.

Segundo o diretor-geral dos estaleiros, o custo total da plataforma - que é um projeto financiado pela Comunidade europeia - está avaliado em 6 milhões de euros e vai trazer aos Estaleiros Navais de Peniche uma receita de cerca de um milhão e 150 mil euros.

fonte

 







Artigos relacionados: