Portos de Portugal
Viagem ao Centro do Mundo

Porto de Viana do Castelo,
Alberga o maior estaleiro do País

Porto de Leixões
Referência na Região Norte do País

Porto de Aveiro
Uma solução Intermodal competitiva

Porto da Figueira da Foz
Promotor da Economia da Região Centro

Porto de Lisboa
Atlantic Meeting Point

Porto de Setúbal
Solução Ibérica na Região de Lisboa

Porto de Sines
Porta do Atlântico

Portos da Madeira
O Paraíso dos Cruzeiros

Portos dos Açores
A sua plataforma no Atlântico

Quem Somos

A APP – Associação dos Portos de Portugal é uma Associação sem fins lucrativos constituída em 1991, com o objectivo de ser o fórum de debate e troca de informações de matérias de interesse comum para os portos e para o transporte marítimo.

Pretende-se que a APP contribua para o desenvolvimento e modernização do Sistema Portuário Nacional, assumindo uma função que esteve subjacente à sua criação: constituir-se como um espaço privilegiado de reflexão e de decisão.



Newsletter

Clique aqui para se registar na newsletter.

Clique aqui para sair da newsletter.

Janela Única Logística



Notícias

FRANCISCO SÁ:

Portugal deve explorar o congestionamento dos portos do Norte da Europa

As novas oportunidades que surgem do alargamento do Canal do Panamá “realçam o papel de Sines como uma solução para a oferta de serviços a cadeias logísticas”, afirmou hoje o presidente executivo da AICEP Global Parques.

Francisco Sá referia-se a centros de distribuição ibéricos, zonas de consolidação e desconsolidação de cargas e ao ‘light postponement'. Por isso aquele responsável, que falava durante a conferência "O Impacto do Novo Canal do Panamá nos Portos Portugueses", em Sines, defende que Portugal "pode explorar o congestionamento dos portos do Norte da Europa".

Francisco Sá realçou que Portugal pode oferecer às "cadeias logísticas globais um nó na rede e acrescentar valor" a essa mesma rede, acrescentando que o alargamento do novo Canal do Panamá, que será inaugurado em 2014, trás para Portugal a possibilidade de atracção de investimento directo estrangeiro, "focado na exportação e suportado por soluções logísticas eficientes".

O presidente executivo da AICEP Global Parques recomendou ainda a integração do mercado português na Península Ibérica, "reforçando a competitividade das soluções logísticas - inra-estruturas e serviço - da fachada atlântica". "A expansão do Canal do Panamá, que ficará com uma capacidade duas a três vezes superior à anterior, é uma oportunidade para Portugal", concluiu.

FONTE