Portos de Portugal
Viagem ao Centro do Mundo

Porto de Viana do Castelo,
Alberga o maior estaleiro do País

Porto de Leixões
Referência na Região Norte do País

Porto de Aveiro
Uma solução Intermodal competitiva

Porto da Figueira da Foz
Promotor da Economia da Região Centro

Porto de Lisboa
Atlantic Meeting Point

Porto de Setúbal
Solução Ibérica na Região de Lisboa

Porto de Sines
Porta do Atlântico

Portos da Madeira
O Paraíso dos Cruzeiros

Portos dos Açores
A sua plataforma no Atlântico

Quem Somos

A APP – Associação dos Portos de Portugal é uma Associação sem fins lucrativos constituída em 1991, com o objectivo de ser o fórum de debate e troca de informações de matérias de interesse comum para os portos e para o transporte marítimo.

Pretende-se que a APP contribua para o desenvolvimento e modernização do Sistema Portuário Nacional, assumindo uma função que esteve subjacente à sua criação: constituir-se como um espaço privilegiado de reflexão e de decisão.



Newsletter

Clique aqui para se registar na newsletter.

Clique aqui para sair da newsletter.

Janela Única Logística



Notícias

Beluga aposta em nova classe de embarcações

A Beluga Shipping divulgou maiores detalhes sobre as novas unidades da classe PS3, actualmente em estágio de desenvolvimento. De acordo com a companhia, as embarcações devem elevar as operações com carga de projecto a um novo nível, em confluência com a demanda crescente advinda do sector da energia renovável.

Os modelos super-heavylift são baseados nas construções mais recentes - a série P2 de 20 mil dwts (deadweight tons), cinco das quais foram entregues no ano passado, com outras cinco unidades agendadas para entrega neste ano -, mas contarão com algumas das maiores gruas de elevação disponíveis neste tipo de embarcação.

Ao invés dos três guindastes utilizados nos PS2 (dois com carga útil de 700 toneladas, que podem ser combinados para movimentar até 1.400 toneladas e um terceiro, para 180 toneladas), a Beluga optou por ajustar uma configuração com dois equipamentos, cada um com capacidade para elevar 1.000 toneladas.

"A demanda está aumentando para os navios especializados, abrindo uma ampla gama de utilizações - por exemplo, na indústria eólica offshore ou no segmento de oleo e gás" afirmou o presidente da Beluga, Niels Stolberg. "Estamos desenvolvendo, em estreita colaboração com estas indústrias, uma nova geração de transportadores de cargas superdimensionadas que terá grande procura no mercado global", concluiu o executivo.

FONTE: GUIA MARÍTIMO
 







Artigos relacionados: