Portos de Portugal
Viagem ao Centro do Mundo

Porto de Viana do Castelo,
Alberga o maior estaleiro do País

Porto de Leixões
Referência na Região Norte do País

Porto de Aveiro
Uma solução Intermodal competitiva

Porto da Figueira da Foz
Promotor da Economia da Região Centro

Porto de Lisboa
Atlantic Meeting Point

Porto de Setúbal
Solução Ibérica na Região de Lisboa

Porto de Sines
Porta do Atlântico

Portos da Madeira
O Paraíso dos Cruzeiros

Portos dos Açores
A sua plataforma no Atlântico

Quem Somos

A APP – Associação dos Portos de Portugal é uma Associação sem fins lucrativos constituída em 1991, com o objectivo de ser o fórum de debate e troca de informações de matérias de interesse comum para os portos e para o transporte marítimo.

Pretende-se que a APP contribua para o desenvolvimento e modernização do Sistema Portuário Nacional, assumindo uma função que esteve subjacente à sua criação: constituir-se como um espaço privilegiado de reflexão e de decisão.



Newsletter

Clique aqui para se registar na newsletter.

Clique aqui para sair da newsletter.

Janela Única Logística



Notícias

ANÚNCIO DE ANTÓNIO MENDONÇA, NA FIGUEIRA DA FOZ

Governo vai promover congresso sobre portos nacionais

O ministro das Obras Públicas, Transportes e Comunicações anunciou, na Figueira da Foz, que o Governo vai "brevemente" promover um congresso destinado a analisar a situação do setor portuário tendo em vista a dinamização das exportações.

O congresso, denominado ExPort, "Ex de exportações, Port de Portos", explicou o ministro António Mendonça, vai decorrer "tendo em conta a importância que o Governo atribui aos portos", juntando representantes das administrações e das comunidades económicas associadas à actividade portuária.

"Fazer um ponto de situação relativamente ao papel dos portos e àquilo que é importante fazer para que possam ser também agentes de dinamização das exportações", sublinhou, à margem da inauguração da obra de prolongamento do molhe norte do porto da Figueira da Foz.

O objectivo será "fazer um ponto de situação relativamente ao papel dos portos e àquilo que é importante fazer para que possam ser também agentes de dinamização das exportações", sublinhou o MOPTC, à margem da inauguração da obra de prolongamento do molhe Norte do porto da Figueira da Foz.

A obra hoje inaugurada ficou concluída em finais do ano passado. O prolongamento do molhe Norte em 400 metros era uma velha ambição da comunidade portuária local, uma vez que melhora significativamente as condições de acesso ao porto e de permanência em segurança dos navios no seu interior.

O prolongamento do molhe Norte representou um investimento de cerca de 14 milhões de euros, incluindo a dragagem de um novo canal de acesso com mil metros de comprimentos e fundos de -7 e -8 metros.

Na sua visita à Figueira da Foz, o ministro António Mendonça inteirou-se ainda de outros investimentos feitos no “Porto Novo”, nomeadamente o prolongamento do terminal de granéis sólidos, a valorização do cais comercial e a reformulação do acesso à nova portaria, ou a reabilitação dos equipamentos afectos ao cais comercial. Sem esquecer as melhorias no porto de recreio.

No total, o plano de investimentos no porto figueirense ascende a 26,5 milhões de euros.

No ano passado, a Figueira da Foz bateu o recorde que datava de 2007, tendo movimentado 1,6 milhões de toneladas.

COM: LUSA / TRANSPORTES & NEGÓCIOS

FOTOS: consciente | Audiovisuais e Multimédia Lda.

 







Artigos relacionados:

  • «Porto da Figueira da Foz é um verdadeiro aliado das empresas da região» afirma o Ministro das Obras Públicas
  • António Mendonça inaugura obras «que começaram a ser anunciadas nos anos 80»
  • Ministro das Obras Públicas inaugura prolongamento do Molhe Norte