Portos de Portugal
Viagem ao Centro do Mundo

Porto de Viana do Castelo,
Alberga o maior estaleiro do País

Porto de Leixões
Referência na Região Norte do País

Porto de Aveiro
Uma solução Intermodal competitiva

Porto da Figueira da Foz
Promotor da Economia da Região Centro

Porto de Lisboa
Atlantic Meeting Point

Porto de Setúbal
Solução Ibérica na Região de Lisboa

Porto de Sines
Porta do Atlântico

Portos da Madeira
O Paraíso dos Cruzeiros

Portos dos Açores
A sua plataforma no Atlântico

Quem Somos

A APP – Associação dos Portos de Portugal é uma Associação sem fins lucrativos constituída em 1991, com o objectivo de ser o fórum de debate e troca de informações de matérias de interesse comum para os portos e para o transporte marítimo.

Pretende-se que a APP contribua para o desenvolvimento e modernização do Sistema Portuário Nacional, assumindo uma função que esteve subjacente à sua criação: constituir-se como um espaço privilegiado de reflexão e de decisão.



Newsletter

Clique aqui para se registar na newsletter.

Clique aqui para sair da newsletter.

Janela Única Logística



Notícias

Governo dos Açores avança com compensação aos armadores da pesca do atum

O Governo Regional dos Açores, através da Secretaria Regional do Mar e das Pescas, vai avançar com uma compensação aos armadores da pesca do atum.

Manuel São João referiu que foi alcançado acordo quando a uma compensação de 50 euros por tonelada a atribuir a todos os armadores cujas embarcações efetuaram descargas de atum bonito que não no seu porto de registo.

“É o cumprir de um compromisso assumido, face aos constrangimentos que se verificaram na safra deste ano ao nível da capacidade de armazenamento e congelação na rede de frio da Lotaçor” adiantou o secretário regional do Mar e das Pescas, no final de uma reunião com a Federação das Pescas dos Açores e com a APASA.

O acordo alcançado com a FPA e a APASA contempla a atribuição do apoio a partir de 27 de julho, data em que os constrangimentos se fizeram sentir com maior incidência.

Em 2021, apenas os entrepostos de Ponta Delgada e da Madalena do Pico estiveram em pleno funcionamento, face às obras de reabilitação levadas a cabo nos entrepostos de Santa Maria e Horta.

Até ao dia 14 de novembro, tinham sido descarregadas 6.197 toneladas de bonito nos portos de pesca da Região, mais 5.340 toneladas do que no ano anterior.

fonte