Portos de Portugal
Viagem ao Centro do Mundo

Porto de Viana do Castelo,
Alberga o maior estaleiro do País

Porto de Leixões
Referência na Região Norte do País

Porto de Aveiro
Uma solução Intermodal competitiva

Porto da Figueira da Foz
Promotor da Economia da Região Centro

Porto de Lisboa
Atlantic Meeting Point

Porto de Setúbal
Solução Ibérica na Região de Lisboa

Porto de Sines
Porta do Atlântico

Portos da Madeira
O Paraíso dos Cruzeiros

Portos dos Açores
A sua plataforma no Atlântico

Quem Somos

A APP – Associação dos Portos de Portugal é uma Associação sem fins lucrativos constituída em 1991, com o objectivo de ser o fórum de debate e troca de informações de matérias de interesse comum para os portos e para o transporte marítimo.

Pretende-se que a APP contribua para o desenvolvimento e modernização do Sistema Portuário Nacional, assumindo uma função que esteve subjacente à sua criação: constituir-se como um espaço privilegiado de reflexão e de decisão.



Newsletter

Clique aqui para se registar na newsletter.

Clique aqui para sair da newsletter.

Janela Única Logística



Notícias

ESTA QUINTA-FEIRA

APDL e Câmara Municipal da Guarda levam a debate a criação de um porto seco na região

A Administração dos Portos do Douro, Leixões e Viana do Castelo (APDL) e a Câmara Municipal da Guarda organizam, esta quinta-feira, dia 10 de dezembro, pelas 15h00, o Seminário “Porto Seco da Guarda”. A iniciativa decorre na Sala Almeida Santos, Câmara Municipal da Guarda, Praça do Município, Guarda e os Órgãos de Comunicação Social poderão assistir presencialmente ou inscreverem-se aqui para a participação online.

O seminário vai contar com a participação do Secretário de Estado Adjunto e das Comunicações, Hugo Santos Mendes; do presidente da Câmara Municipal da Guarda, Carlos Chaves Monteiro; do presidente da APDL, Nuno Araújo; do Vice-Presidente da IP Infraestruturas de Portugal, Carlos Fernandes; do diretor geral da YILPORT Leixões, Nuno David Silva e do administrador do Terminal de Carga Geral e Granéis de Leixões, Urbano Gomes.

A iniciativa pretende debater a necessidade da aproximação da região a um porto, sobre a importância e pertinência da intermodalidade marítima, ferroviária e rodoviária e, ainda, sobre as vantagens que um porto seco teria no desenvolvimento económico sustentável da Guarda.

Recorde-se que um porto seco é um terminal intermodal afastado do mar, normalmente posicionado em regiões do interior, ligado a um porto marítimo por via férrea, rodoviária ou fluvial.


INSCRIÇÃO NO SEMINÁRIO ONLINE