Portos de Portugal
Viagem ao Centro do Mundo

Porto de Viana do Castelo,
Alberga o maior estaleiro do País

Porto de Leixões
Referência na Região Norte do País

Porto de Aveiro
Uma solução Intermodal competitiva

Porto da Figueira da Foz
Promotor da Economia da Região Centro

Porto de Lisboa
Atlantic Meeting Point

Porto de Setúbal
Solução Ibérica na Região de Lisboa

Porto de Sines
Porta do Atlântico

Portos da Madeira
O Paraíso dos Cruzeiros

Portos dos Açores
A sua plataforma no Atlântico

Quem Somos

A APP – Associação dos Portos de Portugal é uma Associação sem fins lucrativos constituída em 1991, com o objectivo de ser o fórum de debate e troca de informações de matérias de interesse comum para os portos e para o transporte marítimo.

Pretende-se que a APP contribua para o desenvolvimento e modernização do Sistema Portuário Nacional, assumindo uma função que esteve subjacente à sua criação: constituir-se como um espaço privilegiado de reflexão e de decisão.



Newsletter

Clique aqui para se registar na newsletter.

Clique aqui para sair da newsletter.

Janela Única Logística



Notícias

PRIMEIRO QUADRIMESTRE

Porto de Viana do Castelo cresce 8% e movimenta 147 mil toneladas de mercadoria

O Porto de Viana do Castelo movimentou mais de 147 mil toneladas de mercadorias, durante o primeiro quadrimestre de 2020. O balanço, anunciado pela Administração dos Portos do Douro, Leixões e Viana do Castelo (APDL), representa um aumento de 8,2% face ao mesmo período do ano anterior.

O acréscimo de 28% na movimentação de granéis líquidos e de 17% nos granéis sólidos contribuíram substancialmente para o crescimento do porto minhoto nos primeiros meses do ano.

Entre os granéis sólidos salienta-se a exportação de minérios, que se traduziu em mais 18 mil toneladas de carga movimentada face à registada em 2019, e a importação de cinzas volantes, mais 9 mil toneladas do que no ano anterior. Já relativamente aos granéis líquidos, exportaram-se mais de 24 mil toneladas de asfalto, que se traduz num acréscimo de 28%, em comparação com o período homólogo.

“Se em 2019 Viana do Castelo registou um crescimento significativo (+16,5%), este ano, e com este primeiro balanço, prevemos manter a trajetória e continuar a dar resposta às indústrias da região.”, salienta a APDL.

As restantes tipologias de carga registaram comportamentos muito aproximados aos primeiros quatro meses de 2019, destacando-se uma ligeira redução na carga geral.

Importa destacar, também, o crescimento de embarcações, uma vez que, durante este período, a infraestrutura portuária registou um acréscimo de 14% de navios que escalaram o porto por motivos comerciais, face ao mesmo período do ano anterior.