Portos de Portugal
Viagem ao Centro do Mundo

Porto de Viana do Castelo,
Alberga o maior estaleiro do País

Porto de Leixões
Referência na Região Norte do País

Porto de Aveiro
Uma solução Intermodal competitiva

Porto da Figueira da Foz
Promotor da Economia da Região Centro

Porto de Lisboa
Atlantic Meeting Point

Porto de Setúbal
Solução Ibérica na Região de Lisboa

Porto de Sines
Porta do Atlântico

Portos da Madeira
O Paraíso dos Cruzeiros

Portos dos Açores
A sua plataforma no Atlântico

Quem Somos

A APP – Associação dos Portos de Portugal é uma Associação sem fins lucrativos constituída em 1991, com o objectivo de ser o fórum de debate e troca de informações de matérias de interesse comum para os portos e para o transporte marítimo.

Pretende-se que a APP contribua para o desenvolvimento e modernização do Sistema Portuário Nacional, assumindo uma função que esteve subjacente à sua criação: constituir-se como um espaço privilegiado de reflexão e de decisão.



Newsletter

Clique aqui para se registar na newsletter.

Clique aqui para sair da newsletter.

Janela Única Logística



Notícias

Porto de Sines entre os maiores da União Europeia

O Porto de Sines é o 20º maior da União Europeia (UE) em peso bruto de mercadorias movimentadas. Aquele que é o primeiro maior porto artificial de Portugal e de águas profundas movimentou 46,473 milhões de toneladas em 2017, posicionando-se numa tabela liderada pelos portos de Roterdão (Holanda), de Antuérpia (Bélgica) e Hamburgo (Alemanha), a tripla da costa do Mar do Norte que faz o pódio em termos de peso bruto das mercadorias como em volume de contentores.

Os números, divulgados esta quinta-feira pelo Eurostat, mostram que o porto nacional contribuiu para os 3.961,164 milhões de toneladas de mercadorias movimentadas pelos portos da União Europeia. Ainda assim, o Porto de Sines viu essa quantidade cair cerca de dois milhões de toneladas entre 2016 e 2017.

De acordo com o organismo de estatística europeu, os 20 maiores portos de carga da UE representaram cerca de 39% das toneladas totais de mercadorias movimentadas nos principais portos dos países inquiridos em 2017 (últimos dados disponíveis), o que significa um ligeiro decréscimo em comparação com o período homólogo. Deste ranking, dez estavam localizados no Mediterrâneo, oito na costa do Mar do Norte da Europa e os dois na costa do Atlântico.

A movimentação de mercadorias contentorizadas entre o porto de Sines e os diversos portos chineses cresceu cerca de 20% (19,7%) entre 2015 e o ano passado. Segundo dados a que o Jornal Económico teve acesso, no total de cargas e descargas entre o porto de Sines e os portos da República Popular da China passaram de 89.669 TEU (medida-padrão equivalente a contentores com 20 pés de comprimento), em 2015, para 107.322 TEU no ano passado. Esse crescimento foi mais visível nas descargas, ou seja nos produtos oriundos da China, que passaram de 74.937 TEU para 103.795 TEU.

fonte