Portos de Portugal
Viagem ao Centro do Mundo

Porto de Viana do Castelo,
Alberga o maior estaleiro do País

Porto de Leixões
Referência na Região Norte do País

Porto de Aveiro
Uma solução Intermodal competitiva

Porto da Figueira da Foz
Promotor da Economia da Região Centro

Porto de Lisboa
Atlantic Meeting Point

Porto de Setúbal
Solução Ibérica na Região de Lisboa

Porto de Sines
Porta do Atlântico

Portos da Madeira
O Paraíso dos Cruzeiros

Portos dos Açores
A sua plataforma no Atlântico

Quem Somos

A APP – Associação dos Portos de Portugal é uma Associação sem fins lucrativos constituída em 1991, com o objectivo de ser o fórum de debate e troca de informações de matérias de interesse comum para os portos e para o transporte marítimo.

Pretende-se que a APP contribua para o desenvolvimento e modernização do Sistema Portuário Nacional, assumindo uma função que esteve subjacente à sua criação: constituir-se como um espaço privilegiado de reflexão e de decisão.



Newsletter

Clique aqui para se registar na newsletter.

Clique aqui para sair da newsletter.

Janela Única Logística



Notícias

AÇORES

Novo navio poderá operar antes do último trimestre do ano nos Açores

Navio da Atlânticoline “Mestre Jaime Feijó” já realiza provas de mar, a que se segue o processo de certificação, e pode vir a integrar a operação da transportadora marítima dos Açores antes do último trimestre do ano.

“O novo navio da Atlânticoline “Mestre Jaime Feijó” está, neste momento, a realizar provas de mar, ao que se seguirá a necessária certificação, sendo essas provas positivas”, adiantou a Secretária Regional dos Transportes e Obras Públicas, que presidia à apresentação da solução técnica do novo terminal de passageiros do Porto de São Roque do Pico.

A certificação, que será feita pela DGRM (Direção Geral de Recursos Naturais Segurança e Serviços Marítimos) , é “o último passo antes do navio entrar em funcionamento”, explicou Ana Cunha, que não se comprometeu com datas, mas admitiu a hipótese de a embarcação poder estar operacional antes do prazo inicialmente avançado pelo executivo, que apontava para o último trimestre do ano.

A embarcação, construída pelos estaleiros Astilleros Armon, tem capacidade para 333 passageiros e 15 viaturas, duas das quais com 5,5 toneladas.

O “Mestre Jaime Feijó” vem substituir o “Mestre Simão” na linha verde da Atlânticoline, e junta-se ao navio “Gilberto Mariano” na operação entre as ilhas do triângulo (Faial, Pico e São Jorge).

O ferry "Mestre Simão", com uma capacidade para 330 passageiros e oito viaturas, tinha sido construído em 2014, também nos Astilleros Armon, em Espanha, quando encalhou no porto da Madalena, em janeiro de 2018.

O relatório divulgado em agosto de 2018, pelo Gabinete de Investigação de Acidentes Marítimos e da Autoridade para a Meteorologia Aeronáutica (GAMA), concluiu que o acidente ficou a dever-se à conjugação de três ondas de "altura significativa" que deixaram o navio ingovernável.

fonte