Portos de Portugal
Viagem ao Centro do Mundo

Porto de Viana do Castelo,
Alberga o maior estaleiro do País

Porto de Leixões
Referência na Região Norte do País

Porto de Aveiro
Uma solução Intermodal competitiva

Porto da Figueira da Foz
Promotor da Economia da Região Centro

Porto de Lisboa
Atlantic Meeting Point

Porto de Setúbal
Solução Ibérica na Região de Lisboa

Porto de Sines
Porta do Atlântico

Portos da Madeira
O Paraíso dos Cruzeiros

Portos dos Açores
A sua plataforma no Atlântico

Quem Somos

A APP – Associação dos Portos de Portugal é uma Associação sem fins lucrativos constituída em 1991, com o objectivo de ser o fórum de debate e troca de informações de matérias de interesse comum para os portos e para o transporte marítimo.

Pretende-se que a APP contribua para o desenvolvimento e modernização do Sistema Portuário Nacional, assumindo uma função que esteve subjacente à sua criação: constituir-se como um espaço privilegiado de reflexão e de decisão.



Newsletter

Clique aqui para se registar na newsletter.

Clique aqui para sair da newsletter.

Janela Única Logística



Notícias

Leixões registou o melhor quadrimestre de sempre na movimentação de carga

Entre janeiro e abril deste ano, o Porto de Leixões movimentou mais de 6,6 milhões de toneladas de mercadoria, numa variação homóloga de 5% que representa o melhor registo de sempre em período homólogo

Em termos gerais, os movimentos acumulados de janeiro a abril de 2019, por comparação aos períodos homólogos, são máximos, entre outros, no total de carga, na carga contentorizada e na carga ro-ro, em contentores, quer em número, quer em TEUs, na GT (Gross Tonnage, que significa “arqueação bruta”) total e, também, no número de passageiros. Os valores de número de navios e de GT relativos a navios de cruzeiro foram também os mais elevados de sempre.

De facto, face ao mesmo período do ano anterior, Leixões cresceu a dois dígitos na maioria dos segmentos: 14% na carga geral; 18% na carga fracionada; 12% na carga contentorizada e 19% na carga Roll-On/Roll-Off (mercadoria que embarca e desembarca em cima de rodas). Por sua vez, também os contentores tiveram um crescimento assinalável, quer em número (14%), quer em TEUs (13%).

Quanto ao número de navios que circularam em Leixões nestes primeiros quatro meses do ano, os valores são notáveis, registando-se o maior crescimento de sempre (13%) em GT, o que revela a dimensão e capacidade cada vez maior dos navios que entram e saem de Leixões.

Também no que concerne a passageiros o Porto de Leixões pontuou de forma absolutamente positiva, registando um crescimento de 22%. Do total dos 23.854 turistas que entraram na região através desta infraestrutura portuária, a grande maioria é do Reino Unido (35%), Alemanha (34%) e Estados Unidos da América (16%). Fevereiro e março foram os meses que registaram um maior movimento de passageiros, com aumentos, face a igual período do ano anterior, de 103,30% e 61,93%, respetivamente. Por mês, circularam no principal porto do noroeste peninsular 5.964 turistas.

Leixões está numa verdadeira maré alta e as exportações acompanham esse crescimento. Só entre janeiro e abril deste ano já saíram deste porto 1.793.162 toneladas de mercadoria, o que representa um crescimento de 18% face a igual período do ano anterior. Os principais países de destino são os Países Baixos, o Reino Unido e a Espanha. Taras, produtos refinados, ferro, aço, papel e cartão são as principais mercadorias exportadas a partir de Leixões.