Portos de Portugal
Viagem ao Centro do Mundo

Porto de Viana do Castelo,
Alberga o maior estaleiro do País

Porto de Leixões
Referência na Região Norte do País

Porto de Aveiro
Uma solução Intermodal competitiva

Porto da Figueira da Foz
Promotor da Economia da Região Centro

Porto de Lisboa
Atlantic Meeting Point

Porto de Setúbal
Solução Ibérica na Região de Lisboa

Porto de Sines
Porta do Atlântico

Portos da Madeira
O Paraíso dos Cruzeiros

Portos dos Açores
A sua plataforma no Atlântico

Quem Somos

A APP – Associação dos Portos de Portugal é uma Associação sem fins lucrativos constituída em 1991, com o objectivo de ser o fórum de debate e troca de informações de matérias de interesse comum para os portos e para o transporte marítimo.

Pretende-se que a APP contribua para o desenvolvimento e modernização do Sistema Portuário Nacional, assumindo uma função que esteve subjacente à sua criação: constituir-se como um espaço privilegiado de reflexão e de decisão.



Newsletter

Clique aqui para se registar na newsletter.

Clique aqui para sair da newsletter.

Janela Única Logística



Notícias

ASSINATURA DOS CONTRATOS DE REPARAÇÃO DO QUEBRA-MAR DE PROTECÇÃO E DA DRAGAGEM DE MANUTENÇÃO PORTUÁRIA DO PORTO DA ERICEIRA

Ministra do Mar presidiu à cerimónia

A Ministra do Mar, Ana Paula Vitorino, presidiu à Cerimónia de Assinatura dos Contratos de Reparação do Quebra-mar de Proteção e da Dragagem de Manutenção Portuária do Porto da Ericeira, um investimento do Ministério do Mar no montante de 3,3 milhões de euros.

«O porto da Ericeira é um porto importante e o Concelho de Mafra é uma referência em termos de Economia do Mar», admitiu a Ministra do Mar, acrescentando: «Estamos aqui a falar de economia mas também de segurança, de permitir que as atividades económicas e sociais se desenvolvam em condições de segurança».

Juntando ao investimento já feito pela Docapesca, «ultrapassámos assim os 4 milhões de euros de investimento no porto da Ericeira», concluiu a Ministra na sua intervenção.

Já Hélder Sousa Silva, Presidente da Câmara Municipal de Mafra, lembrou que «esta é uma verba que esperávamos desde 2014», acrescentando: «As obras na Ericeira são sempre obras difíceis, o mar na Ericeira é um mar bastante ativo e revolto e com condições hostis, em particular no Inverno».