Portos de Portugal
Viagem ao Centro do Mundo

Porto de Viana do Castelo,
Alberga o maior estaleiro do País

Porto de Leixões
Referência na Região Norte do País

Porto de Aveiro
Uma solução Intermodal competitiva

Porto da Figueira da Foz
Promotor da Economia da Região Centro

Porto de Lisboa
Atlantic Meeting Point

Porto de Setúbal
Solução Ibérica na Região de Lisboa

Porto de Sines
Porta do Atlântico

Portos da Madeira
O Paraíso dos Cruzeiros

Portos dos Açores
A sua plataforma no Atlântico

Quem Somos

A APP – Associação dos Portos de Portugal é uma Associação sem fins lucrativos constituída em 1991, com o objectivo de ser o fórum de debate e troca de informações de matérias de interesse comum para os portos e para o transporte marítimo.

Pretende-se que a APP contribua para o desenvolvimento e modernização do Sistema Portuário Nacional, assumindo uma função que esteve subjacente à sua criação: constituir-se como um espaço privilegiado de reflexão e de decisão.



Newsletter

Clique aqui para se registar na newsletter.

Clique aqui para sair da newsletter.

Janela Única Logística



Notícias

Adjudicação da JUL poderá acontecer em Fevereiro

A Presidente da Associação dos Portos de Portugal (APP) e do Conselho de Administração do Portos de Lisboa (APL), Lídia Sequeira, admitiu que o contrato de adjudicação para a definição e criação da Janela Única Logística (JUL) deverá ser assinado “provavelmente durante o mês de Fevereiro”.

A responsável fez o anúncio durante uma conferência na Academia de Marinha, admitindo que o prazo de pronúncia do concurso já terminara e que existiam condições para a elaboração do relatório final por parte da entidade adjudicante, que é a APP.

Recorde-se que o concurso público internacional foi lançado em Agosto de 2017, com um valor base de procedimento de 4,5 milhões de euros e um prazo de execução de dois anos a partir da data de celebração do contrato.

Segundo o estabelecido na lei, o que está em causa é a “definição e criação de uma nova versão do Modelo de Referência Nacional (MRN2. Evolução dos actuais sistemas de gestão portuária – Janela Única Portuária – JUP) e respectivo modelo de interoperabilidade com sistemas externos, para uma nova geração de software que suporte o MRN2, designada de Janela Única Logística, pretendendo-se, conforme previsto no Programa Simplex+, assegurar a fluidez da informação referente ao transporte de mercadorias de e para os portos de mar nacionais, tendo como referência inicial o modo ferroviário e ligação aos portos secos implementado no Porto de Sines e o modo rodoviário no Porto de Leixões”.

De acordo com Lídia Sequeira, “estamos a criar uma nova Janela Única, que já não é apenas a JUP, é uma Janela Única Logística, que vai fazer o tracking and tracing de todos os movimentos de mercadorias, vai acompanhá-las para além do porto no seu destino e na sua origem antes do porto”.

A presidente da APP recordou que a JUP, de que a JUL é um desenvolvimento, “passou a ser um instrumento de marca dos portos portugueses, com reconhecimento em toda a Europa”, e gerou ganhos anuais da ordem dos 3,5 milhões de euros. Os ganhos anuais com a JUL poderão variar entre os 10 milhões e os 12 milhões de euros, de acordo com dados da APP.

fonte