Portos de Portugal
Viagem ao Centro do Mundo

Porto de Viana do Castelo,
Alberga o maior estaleiro do País

Porto de Leixões
Referência na Região Norte do País

Porto de Aveiro
Uma solução Intermodal competitiva

Porto da Figueira da Foz
Promotor da Economia da Região Centro

Porto de Lisboa
Atlantic Meeting Point

Porto de Setúbal
Solução Ibérica na Região de Lisboa

Porto de Sines
Porta do Atlântico

Portos da Madeira
O Paraíso dos Cruzeiros

Portos dos Açores
A sua plataforma no Atlântico

Quem Somos

A APP – Associação dos Portos de Portugal é uma Associação sem fins lucrativos constituída em 1991, com o objectivo de ser o fórum de debate e troca de informações de matérias de interesse comum para os portos e para o transporte marítimo.

Pretende-se que a APP contribua para o desenvolvimento e modernização do Sistema Portuário Nacional, assumindo uma função que esteve subjacente à sua criação: constituir-se como um espaço privilegiado de reflexão e de decisão.



Newsletter

Clique aqui para se registar na newsletter.

Clique aqui para sair da newsletter.

Janela Única Logística



Notícias

Movimento de mercadorias nos portos nacionais cresceu 15% em 2013 fixando recorde 10 anos

O movimento de mercadorias nos portos nacionais ascendeu a 78,2 milhões de toneladas (carregadas e descarregadas), «evidenciando um assinalável aumento de 15,1% face ao ano anterior», um incremento que inverteu a desaceleração verifcada em 2012 e que correspondeu a um recorde 10 anos no movimento portuário de mercadorias, indica um relatório publicado nesta quinta-feira pelo Instituto Nacional de Estatística (INE).

A intensificação da atividade portuária «ocorreu principalmente nas saídas (mercadorias carregadas), que registaram um incremento de 24,3%, atingindo 33,0 milhões de toneladas. Observou-se igualmente um acréscimo de 9,3% nas mercadorias entradas, num total de 45,3 milhões de toneladas».

Segundo detalha o relatório com as 'Estatísticas dos Transportes', as mercadorias em tráfego internacional representaram 84,3% do total movimentado em 2013, alcançando 66,0 milhões de toneladas (+17,1%).

A uma larga distância dos restantes, «Sines esteve em evidência, tendo registado 30,8 milhões de toneladas provenientes e/ou destinadas a portos estrangeiros (+28,8%), a par de acréscimos em outros portos do Continente, nomeadamente em Lisboa (+8,8%), Setúbal (+19,1%), Aveiro (+21,4%) e Figueira da Foz (+12,0%).

O transporte de mercadorias em veículos rodoviários pesados pouco oscilou em termos de toneladas transportadas em 2013 (-0,1%) mas com distâncias superiores, resultando em +22,9% nas toneladas-quilómetro.

As mercadorias por transporte ferroviário totalizaram 9,3 milhões de toneladas e diminuíram 4,2% face a 2012. Contudo, as mercadorias em tráfego internacional aumentaram 25,8%, tendo alcançado 1,4 milhões de toneladas.

Já o movimento de passageiros nos aeroportos nacionais em tráfego comercial totalizou 32,6 milhões em 2013 (+4,9%).

Deslocaram-se 546,4 milhões de passageiros (-6,9% que em 2012) no transporte rodoviário e 26,3 milhões de passageiros (-3,9%) por via fluvial.

Registou-se uma redução de 8,1% nas deslocações por metropolitano em 2013, as quais atingiram 191,6 milhões.

fonte