Portos de Portugal
Viagem ao Centro do Mundo

Porto de Viana do Castelo,
Alberga o maior estaleiro do País

Porto de Leixões
Referência na Região Norte do País

Porto de Aveiro
Uma solução Intermodal competitiva

Porto da Figueira da Foz
Promotor da Economia da Região Centro

Porto de Lisboa
Atlantic Meeting Point

Porto de Setúbal
Solução Ibérica na Região de Lisboa

Porto de Sines
Porta do Atlântico

Portos da Madeira
O Paraíso dos Cruzeiros

Portos dos Açores
A sua plataforma no Atlântico

Quem Somos

A APP – Associação dos Portos de Portugal é uma Associação sem fins lucrativos constituída em 1991, com o objectivo de ser o fórum de debate e troca de informações de matérias de interesse comum para os portos e para o transporte marítimo.

Pretende-se que a APP contribua para o desenvolvimento e modernização do Sistema Portuário Nacional, assumindo uma função que esteve subjacente à sua criação: constituir-se como um espaço privilegiado de reflexão e de decisão.



Newsletter

Clique aqui para se registar na newsletter.

Clique aqui para sair da newsletter.

Janela Única Logística



Notícias

Porto de Sines movimentou 27,5 milhões de toneladas e cresceu 34% nos contentores

O Porto de Sines fechou o terceiro trimestre com um crescimento expressivo no segmento da carga contentorizada, com um total de 926.531 TEU, correspondendo a cerca de 34% mais do que o conseguido em igual período de 2013, o que levou a que tivesse sido já ultrapassada a barreira de um milhão de TEU no corrente mês de Outubro.

Nos primeiros nove meses de 2014, o Terminal de Contentores de Sines – Terminal XXI, teve um impacto significativo no aumento da carga geral, que ultrapassou os 11 milhões de toneladas, correspondendo a um incremento de 22%. De facto, desde Abril passado foram movimentados sistematicamente mais de 100.000TEU em cada mês, tendo Setembro sido o melhor mês de sempre com 113.484 TEU operados.

No que diz respeito ao total global, Sines registou uma movimentação total de 27,5 milhões de toneladas, representando um crescimento de 0,3%, em relação ao período homólogo de 2013. De lembrar que o início deste ano ficou marcado pela paragem técnica da Refinaria da Petrogal, que durou cerca de 2,5 meses.

De destacar ainda o aumento de carga com origem e destino em países fora da EU, da ordem dos 5,5% e, principalmente, o importante incremento na carga à exportação, com mais 5,2%.

Embora o número de navios em operação comercial registe apenas mais dez embarcações que em 2013, o GT Total aumentou 9%, em consonância com a vocação de Sines para a receção de grandes navios.

DADOS ESTATÍSTICOS JANEIRO-SETEMBRO 2014