Portos de Portugal
Viagem ao Centro do Mundo

Porto de Viana do Castelo,
Alberga o maior estaleiro do País

Porto de Leixões
Referência na Região Norte do País

Porto de Aveiro
Uma solução Intermodal competitiva

Porto da Figueira da Foz
Promotor da Economia da Região Centro

Porto de Lisboa
Atlantic Meeting Point

Porto de Setúbal
Solução Ibérica na Região de Lisboa

Porto de Sines
Porta do Atlântico

Portos da Madeira
O Paraíso dos Cruzeiros

Portos dos Açores
A sua plataforma no Atlântico

Quem Somos

A APP – Associação dos Portos de Portugal é uma Associação sem fins lucrativos constituída em 1991, com o objectivo de ser o fórum de debate e troca de informações de matérias de interesse comum para os portos e para o transporte marítimo.

Pretende-se que a APP contribua para o desenvolvimento e modernização do Sistema Portuário Nacional, assumindo uma função que esteve subjacente à sua criação: constituir-se como um espaço privilegiado de reflexão e de decisão.



Newsletter

Clique aqui para se registar na newsletter.

Clique aqui para sair da newsletter.

Janela Única Logística



Notícias

MacAndrews «extraordinariamente satisfeita» com serviço no Porto de Setúbal

Na sequência do acordo entre sindicatos e operadores do porto de Lisboa, que trouxe paz laboral, têm sido vários os casos de regressos ao porto de Lisboa. A MacAndrews, que aquando das constantes paralisações no porto da capital, mudou o serviço para Setúbal, recusa essa hipótese, considerando Setúbal "uma excelente aposta".

 

"Estamos extraordinariamente satisfeitos com o porto de Setúbal. É uma decisão que é para manter. Não posso dizer mais do que bem do porto de Setúbal. Tem sido absolutamente fantástico, tanto a parte do operador portuario como dos trabalhadores portuários com quem temos relações óptimas e estreitas", referiu à CARGO Fernando Delgado, diretor regional da Macandrews, presente na conferência sobre short sea shipping, realizada no início da passada semana.

Sobre a maior distância para Lisboa, centro de grande consumo, Fernando Delgado desvalorizou as possíveis desvantagens: "Houve, no início, alguma tensão mas, juntamente com os nossos fornecedores de transportes locais e com a ferrovia conseguimos ultrapassar todas essas condicionantes e, nesta altura, estamos completamente à vontade (...) porque o tempo de operação dentro do próprio porto dá para compensar o tempo que perdíamos em Lisboa".

fonte