Portos de Portugal
Viagem ao Centro do Mundo

Porto de Viana do Castelo,
Alberga o maior estaleiro do País

Porto de Leixões
Referência na Região Norte do País

Porto de Aveiro
Uma solução Intermodal competitiva

Porto da Figueira da Foz
Promotor da Economia da Região Centro

Porto de Lisboa
Atlantic Meeting Point

Porto de Setúbal
Solução Ibérica na Região de Lisboa

Porto de Sines
Porta do Atlântico

Portos da Madeira
O Paraíso dos Cruzeiros

Portos dos Açores
A sua plataforma no Atlântico

Quem Somos

A APP – Associação dos Portos de Portugal é uma Associação sem fins lucrativos constituída em 1991, com o objectivo de ser o fórum de debate e troca de informações de matérias de interesse comum para os portos e para o transporte marítimo.

Pretende-se que a APP contribua para o desenvolvimento e modernização do Sistema Portuário Nacional, assumindo uma função que esteve subjacente à sua criação: constituir-se como um espaço privilegiado de reflexão e de decisão.



Newsletter

Clique aqui para se registar na newsletter.

Clique aqui para sair da newsletter.

Janela Única Logística



Notícias

LEIXÕES

TCL teve um crescimento efectivo de 5,3% em 2013, adianta a administração

Terminado o ano de 2013 apraz-nos registar que o TCL teve um crescimento efetivo de 5,3% nos contentores movimentados no Terminal, não obstante a comparação factual entre os anos de 2013 e 2012 revelar um decréscimo de 2,6%.

Não negando a realidade dos dados cumpre-nos, todavia, explicar a diferença de perspectiva, lembrando que na parte final de 2012 um volume significativo de contentores, que estimamos em 30 000, transferiu-se, momentaneamente, para o Porto de Leixões devido à greve no Porto de Lisboa.

Ora a verdade é que a normalização progressiva da situação do Porto de Lisboa devolveu, àquele porto, os contentores que, em solução de recurso, tinham utilizado o Terminal de Contentores de Leixões, em 2012.

Entendemos assim que para uma análise rigorosa do desempenho do TCL, em 2013, devemos apreciar os dados para além da mera factualidade, descendo à substância, comparando, portanto, o mercado efetivo do TCL, em 2012 (sem 30 000 contentores) com o de 2013.

Deste modo, chegamos ao crescimento de 5,3% acima revelado o qual, em bom rigor, reflete a confiança que Armadores e demais Agentes Económicos continuam a dispensar ao TCL e ao Porto de Leixões, pelo seu desempenho, fruto dos atempados e elevados investimentos realizados, salutares relações laborais entre as partes e permanente disponibilidade para encontrar soluções adequadas ao cada vez mais competitivo e exigente transporte maritimo.

A Administração

Em 2 de Janeiro de 2014