Portos de Portugal
Viagem ao Centro do Mundo

Porto de Viana do Castelo,
Alberga o maior estaleiro do País

Porto de Leixões
Referência na Região Norte do País

Porto de Aveiro
Uma solução Intermodal competitiva

Porto da Figueira da Foz
Promotor da Economia da Região Centro

Porto de Lisboa
Atlantic Meeting Point

Porto de Setúbal
Solução Ibérica na Região de Lisboa

Porto de Sines
Porta do Atlântico

Portos da Madeira
O Paraíso dos Cruzeiros

Portos dos Açores
A sua plataforma no Atlântico

Quem Somos

A APP – Associação dos Portos de Portugal é uma Associação sem fins lucrativos constituída em 1991, com o objectivo de ser o fórum de debate e troca de informações de matérias de interesse comum para os portos e para o transporte marítimo.

Pretende-se que a APP contribua para o desenvolvimento e modernização do Sistema Portuário Nacional, assumindo uma função que esteve subjacente à sua criação: constituir-se como um espaço privilegiado de reflexão e de decisão.



Newsletter

Clique aqui para se registar na newsletter.

Clique aqui para sair da newsletter.

Janela Única Logística



Notícias

Dachser exporta estruturas metálicas a partir do Porto de Leixões

A Dachser Portugal Air & Sea Logistics, que pertence à multinacional alemã Dachser, está a efetuar o transporte de 2.800 toneladas de estruturas metálicas de suporte às linhas de alta tensão para o Norte de África. A carga transportada – produzida por uma empresa nacional – está a ser exportada pela via marítima, desde o porto de Leixões, com recurso a envio regulares.

Quarenta por cento da carga é constituída por linhas de alta tensão que têm como destino a capital da Argélia, Argel. Para Marrocos, mais precisamente Casablanca, segue a restante carga composta por torres para os cabos de alta tensão. As estruturas metálicas vão permitir a construção, à entrada das cidades, de subestações que permitem a transformação da alta tensão em baixa tensão.

O continente africano é um dos destinos preferenciais das mercadorias exportadas pela Dachser Air & Sea Logistics a partir dos portos nacionais. Recentemente, a multinacional procedeu ao transporte de 70 toneladas de material de construção para Angola.

fonte