Portos de Portugal
Viagem ao Centro do Mundo

Porto de Viana do Castelo,
Alberga o maior estaleiro do País

Porto de Leixões
Referência na Região Norte do País

Porto de Aveiro
Uma solução Intermodal competitiva

Porto da Figueira da Foz
Promotor da Economia da Região Centro

Porto de Lisboa
Atlantic Meeting Point

Porto de Setúbal
Solução Ibérica na Região de Lisboa

Porto de Sines
Porta do Atlântico

Portos da Madeira
O Paraíso dos Cruzeiros

Portos dos Açores
A sua plataforma no Atlântico

Quem Somos

A APP – Associação dos Portos de Portugal é uma Associação sem fins lucrativos constituída em 1991, com o objectivo de ser o fórum de debate e troca de informações de matérias de interesse comum para os portos e para o transporte marítimo.

Pretende-se que a APP contribua para o desenvolvimento e modernização do Sistema Portuário Nacional, assumindo uma função que esteve subjacente à sua criação: constituir-se como um espaço privilegiado de reflexão e de decisão.



Newsletter

Clique aqui para se registar na newsletter.

Clique aqui para sair da newsletter.

Janela Única Logística



Notícias

Exportações atingiram valor recorde em Maio

O mês de Maio confirmou a evolução positiva nas exportações nacionais, assim como a recuperação dos valores menos positivos registados no início do ano. No mês em questão, o valor das exportações portuguesas cresceu 5% face a período homólogo do ano passado, apesar de ter ficado aquém do crescimento no mês de abril (+16,8%). O mês de maio foi mesmo o melhor registo mensal de sempre.

As vendas de Portugal ao exterior no mês de maio representaram um valor total de 4,26 mil milhões de euros, o melhor de sempre, superando o anterior recorde máximo mensal, que estava fixado nos 4,14 mil milhões de euros, de março do ano passado.

Os resultados positivos do mês de maio seguem na linha dos de abril, contrariando uma tendência que se havia verificado nos meses de fevereiro e março, quando as exportações caíram 3%.

Segundo o INE, a subida das exportações em maio ficou a dever-se aos acréscimos registados na quase totalidade dos grupos de produtos, “em especial nos combustíveis minerais; máquinas e aparelhos e plásticos e borrachas".

Ainda de acordo com os dados do INE, as vendas para os países da União Europeia cresceram 4,1% em maio, com as vendas de bens para países fora da UE subiram 9,1% para 1,29 mil milhões de euros (também o valor mais elevado de sempre).

Já as importações voltaram ao vermelho no mês de maio, com uma quebra de 3,2%, que segundo o INE se deve sobretudo à redução das compras ao exterior de combustíveis minerais. Isto depois de em abril terem crescido 9,3%.

fonte