Portos de Portugal
Viagem ao Centro do Mundo

Porto de Viana do Castelo,
Alberga o maior estaleiro do País

Porto de Leixões
Referência na Região Norte do País

Porto de Aveiro
Uma solução Intermodal competitiva

Porto da Figueira da Foz
Promotor da Economia da Região Centro

Porto de Lisboa
Atlantic Meeting Point

Porto de Setúbal
Solução Ibérica na Região de Lisboa

Porto de Sines
Porta do Atlântico

Portos da Madeira
O Paraíso dos Cruzeiros

Portos dos Açores
A sua plataforma no Atlântico

Quem Somos

A APP – Associação dos Portos de Portugal é uma Associação sem fins lucrativos constituída em 1991, com o objectivo de ser o fórum de debate e troca de informações de matérias de interesse comum para os portos e para o transporte marítimo.

Pretende-se que a APP contribua para o desenvolvimento e modernização do Sistema Portuário Nacional, assumindo uma função que esteve subjacente à sua criação: constituir-se como um espaço privilegiado de reflexão e de decisão.



Newsletter

Clique aqui para se registar na newsletter.

Clique aqui para sair da newsletter.

Janela Única Logística



Notícias

Fragata Álvares Cabral inicia acções de combate à pirataria no Oceano Índico

A Fragata Álvares Cabral, navio-almirante da Força Naval da União Europeia deu início, na manhã de 09 de Abril, às acções de fiscalização contra a pirataria, materializando a primeira operação de patrulha no Golfo de Áden.


No âmbito da participação na Operação Atalanta no Oceano Índico, esta fragata da Marinha Portuguesa detetou e abordou uma embarcação do tipo “Dhow”, com 19 pessoas a bordo. A tripulação da embarcação adotou desde o inicio da aproximação uma atitude cooperante e durante a vistoria foram detetados vários artefactos de pesca, não tendo sido identificado quaisquer tipo de material associado a atividades de pirataria.

Denominada por “Friendly Approach”, este tipo de ações tem como objetivo a recolha de informação e a divulgação da atividade desenvolvida pelas unidades navais da União Europeia nesta área.
“Com esta primeira abordagem a Fragata Álvares Cabral inicia a sua atividade de proteção da segurança marítima no Golfo de Áden e ao mesmo tempo divulga junto da comunidade local a presença portuguesa e da União Europeia no apoio a esta região do globo”, referiu o comandante do navio.

A Álvares Cabral dispõe de uma guarnição de 188 militares, dos quais 22 são militares femininos e enquanto navio-almirante embarca ainda o Comandante da Força Naval da União Europeia e o seu Estado-Maior, totalizando 212 militares a bordo.