Portos de Portugal
Viagem ao Centro do Mundo

Porto de Viana do Castelo,
Alberga o maior estaleiro do País

Porto de Leixões
Referência na Região Norte do País

Porto de Aveiro
Uma solução Intermodal competitiva

Porto da Figueira da Foz
Promotor da Economia da Região Centro

Porto de Lisboa
Atlantic Meeting Point

Porto de Setúbal
Solução Ibérica na Região de Lisboa

Porto de Sines
Porta do Atlântico

Portos da Madeira
O Paraíso dos Cruzeiros

Portos dos Açores
A sua plataforma no Atlântico

Quem Somos

A APP – Associação dos Portos de Portugal é uma Associação sem fins lucrativos constituída em 1991, com o objectivo de ser o fórum de debate e troca de informações de matérias de interesse comum para os portos e para o transporte marítimo.

Pretende-se que a APP contribua para o desenvolvimento e modernização do Sistema Portuário Nacional, assumindo uma função que esteve subjacente à sua criação: constituir-se como um espaço privilegiado de reflexão e de decisão.



Newsletter

Clique aqui para se registar na newsletter.

Clique aqui para sair da newsletter.

Janela Única Logística



Notícias

VIAJANDO PELA HISTÓRIA - 1904

Desarranjo no leme e sinais marcónicos

O Morning Leader publica uma interessante notícia sobre a utilização do telégrafo sem fios, num recente sinistro marítimo (01.03.1904).

"Em fins de Dezembro último o transatlântico “Kroonland”, registado na praça d’Anvers, dirigia-se da Europa para a América com um grande número de passageiros e carregamento completo.
Ao fim de 4 dias de viagem um desarranjo no leme fez com que se tornasse impossível todo o governo do barco.
(...)

Depois de baldados esforços para reparar a avaria, o comandante, Mr. John Harker, determinou que fossem feitos sinais marconicos, utilizando o aparelho que recentemente fora instalado a bordo. Feita a transmissão do despacho noticiando a situação em que se encontravam, não tardou que lhe fosse dado o sinal de entendido.
Fora o posto semafórico de Crookhaven, perto da cidade de Natry, na Irlanda, quem primeiro recebera o despacho, acusando a sua recepção.

Imediatamente foi notificado aos agentes da “American Line”, a que o vapor pertence, o ocorrido e estes mandaram sair de Quunstown [sic] socorros prontos, entrando o “Krookland” naquele porto a reboque.
(...)
Todos os paquetes da “American Line” ao serviço desta carreira foram ultimamente dotados de aparelhos Marconi."

"Telegrafia sem fios", in A Tarde, n.º 4845, ano XVII, 1 de Março de 1904, p.2.

fonte

 

 

 







Artigos relacionados:

  • O posto radiotelefónico do Arsenal falou ontem com o «yacht» «Electra», a bordo do qual viaja o célebre inventor da T.S.F., Marconi