Portos de Portugal
Viagem ao Centro do Mundo

Porto de Viana do Castelo,
Alberga o maior estaleiro do País

Porto de Leixões
Referência na Região Norte do País

Porto de Aveiro
Uma solução Intermodal competitiva

Porto da Figueira da Foz
Promotor da Economia da Região Centro

Porto de Lisboa
Atlantic Meeting Point

Porto de Setúbal
Solução Ibérica na Região de Lisboa

Porto de Sines
Porta do Atlântico

Portos da Madeira
O Paraíso dos Cruzeiros

Portos dos Açores
A sua plataforma no Atlântico

Quem Somos

A APP – Associação dos Portos de Portugal é uma Associação sem fins lucrativos constituída em 1991, com o objectivo de ser o fórum de debate e troca de informações de matérias de interesse comum para os portos e para o transporte marítimo.

Pretende-se que a APP contribua para o desenvolvimento e modernização do Sistema Portuário Nacional, assumindo uma função que esteve subjacente à sua criação: constituir-se como um espaço privilegiado de reflexão e de decisão.



Newsletter

Clique aqui para se registar na newsletter.

Clique aqui para sair da newsletter.

Janela Única Logística



Notícias

Açores lançam Campanha Regional de Limpezas Costeiras e Subaquáticas

O Governo dos Açores iniciou dia 20 a Campanha Regional de Limpezas Costeiras e Subaquáticas, que tem previstas 14 ações em todo o arquipélago açoriano.

A Direcção Regional de Políticas Marítimas pretende envolver todos os cidadãos, entidades públicas e privadas e organizações cívicas dos Açores para a problemática do lixo marinho, “uma preocupação que é partilhada por cada vez mais pessoas em todo o mundo”.

Esta campanha surge também no âmbito dos objetivos dos projetos Life IP Azores Natura, que visa proteger aves e habitats em ecossistemas terrestres e marinhos, e OceanLit (Interreg Mac), para reduzir os detritos marinhos.

A Direção Regional é entidade parceira beneficiária daqueles dois projetos.

A Direção Regional de Política Marítimas vai compilar a informação referente aos resíduos recolhidos nas ações de limpeza e os dados “serão utilizados para responder às exigências de reporte internacional da Região Autónoma dos Açores no contexto da Diretiva-Quadro Estratégia Marinha (DQEM) e da Convenção para a Proteção do Meio Marinho do Atlântico Nordeste (OSPAR)”, segundo o executivo.

Estes dados que resultarem da campanha servirão também para a definição de macropolíticas de âmbito internacional na área do lixo marinho.

fonte